Ir para conteúdo
Ate Cubanos

O que vocês estão jogando, pederastas?

Posts Recomendados

O meu é Bloodborne. Zerei todos.

 

O enredo do Bloodborne é algo que me marcou por ser inspirado no Lovecraft.

 

Strife,

 

Existe um site especializado em rom hack que tem um fix para Holy Diver.

https://www.romhacking.net/hacks/423/

Só aplicar na rom, eu já joguei aqui.

 

holydiver-title.png

Editado por £ink

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acabei de terminar o Trails of Cold Steel II, to jogando porque quero saber como termina a historia, porque pqp... A falcom transforma um jogo em 3 ou 4 e enfia backtracking, quest de ajudar o fazendeiro e mais o caralho a quatro pra render.  O cold steel II so teve historia de VERDADE no final, e digo final depois do ultimo chefe mesmo. Até lá é uma grande enchencao de saco

Editado por Minato.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aconteceu a mesma coisa com o Trails in the Sky Second Chapter que foi um gigantesco backtracking pelas mesmas áreas do anterior fazendo as mesmas quests para só ter coisa nova na última dungeon. Dava para ter cortado tudo, pulado do final do primeiro capítulo e direto para o final do segundo numa tacada só, precisava de dois jogos nem fudendo. Depois de ter adorado o primeiro Trails in the Sky eu desanimei legal com a série por causa disso, tenho o terceiro comprado mas ainda nem joguei. Cold Steel tá lá no fundo do backlog.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nunca tinha ouvido falar mesmo, baixei aqui e tô curtindo muito. Tão bom quanto Crisis Force e Gun Nac.

 

Abadox eu joguei na época. Era um jogo meio sinistro (até o nome lol), com fundos escuros, muito vermelho também.

 

Mas jogo de nave no NES o que eu jogava direto era Gradius. Acho que não tem outro melhor no NES.

 

Ganhei o SF 30th Anniversary Collection e estou brincando nele essa semana. Ótima coletânea, os (poucos) filtros disponíveis até que funcionam bem, ainda que nem se compare às opções de um emulador. O único defeito relevante é não ter algumas versões importantes, por exemplo o SFA3 é o "cruzão", poderiam ter colocado o Gold.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sim, série Souls o 1o sempre será o melhor.

 

Demons Souls no meu caso.

 

Rejoguei todos os 3 no Ps4 agora e to rejogando Bloodborne, todos espetaculares

Também inspirado no Strife comecei uma fase retro, to jogando Zelda a Link to the Past

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ontem matei o quarto lord e cheguei no castelo. Puta como eu adoro mapa de castelo..... E os caras SABEM FAZER MAPA DE CASTELO. Boletarian Palace é incrível, Anon Londor nem se fala e Cainhurst é um dos meus mapas favoritos de BB também.

 

E esse Drangleic Castle, por mais que eu tenha explorado muito pouco ainda (só cheguei na bonfire dentro dele) estou achando animal também. Tu sente que o design dos mapas é foda quando metade da experiência é diversão pura e a outra metade é admiração com os detalhes que eles colocaram ali.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu problema com Bloodborne é que ele é um Souls mecânicamente capado. Builds são praticamente inexistentes, o sistema de progressão do char não faz sentido existir, as armaduras não fazem a minima diferença, os acessórios(Caryll Runes) oferecem poucas opções e fazem diferença ínfima no personagem.

 

Outro ponto baixo pra mim é a pouca variedade de ambientes e cenários. Até tem locações diferentes mas as cores deixam tudo muito parecido.

 

As partes muito boas de Bloodborne são: Ambientação, Lore, Historia, Gameplay e Level Design, que o bastante pra eu classifica-lo 10/10.

 

Eu com mais de 3500 horas de Soulsborne consigo entender quem gosta mais de BB e Demon’s por conta da ambientação e história e também aqueles que preferem DKS por conta da complexidade mecânica e variação de gameplay no jogo.

Editado por Rhazo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que me atrai nos jogos da From é justamente ambientação, level design e combate.  A parte RPG é um elemento importante da série Souls, mas secundário para mim.

 

Por isso não vi problema algum na menor complexidade do Bloodborne ou no fato de o Sekiro aparentemente ser um action-adventure sem stats.

 

Aconteceu a mesma coisa com o Trails in the Sky Second Chapter que foi um gigantesco backtracking pelas mesmas áreas do anterior fazendo as mesmas quests para só ter coisa nova na última dungeon. Dava para ter cortado tudo, pulado do final do primeiro capítulo e direto para o final do segundo numa tacada só, precisava de dois jogos nem fudendo. Depois de ter adorado o primeiro Trails in the Sky eu desanimei legal com a série por causa disso, tenho o terceiro comprado mas ainda nem joguei. Cold Steel tá lá no fundo do backlog.

 

No terceiro você vai nos mesmos cenários novamente e tem uma estrutura ainda mais repetitiva.

 

O problema da Falcom é que os jogos vendem pouco e eles apelam para esse reaproveitando de conteúdo para lucrar mais. Uma pena.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Engraçado que uma das qualidades de Ys é exatamente a ausência de fillers, mas Legend of Heroes parece ser baseado nisso.

 

Mas por Ys, Nayuta no Kiseki e Xanadu Next, ainda considero a Falcom uma das minhas empresas favoritas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O pior é que os jogos nao sao baratos, cold steel é 50 pila, coisa que paguei num witcher 3 que é o extremo oposto da qualidade.

 

 

E eu queria ter acesso ao script do jogo, so pra ver quantas frases repetidas tem :lolmor: "Flames of War" e "Hahaha that's our Rean" devem ter 200 mencoes, sem exageros

Editado por Minato.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu problema com Bloodborne é que ele é um Souls mecânicamente capado. Builds são praticamente inexistentes, o sistema de progressão do char não faz sentido existir, as armaduras não fazem a minima diferença, os acessórios(Caryll Runes) oferecem poucas opções e fazem diferença ínfima no personagem.

 

Não acho que seja capado. Eu por exemplo comecei jogando com DEX. Quando peguei a Ludwig fiz uma Quality. Depois resolvi usar a maça com buff elétrico e por fim a Moonlight, já preparando terreno para poder usar magias. Ou seja, meu personagem parece que foi aprendendo novos conceitos.

 

Em Dark Souls as vezes vc segue um caminho especifico e isso te obriga a fazer novos chars para ver outras possibilidades enquanto Bloodborne te amplia os horizontes de um mesmo char sendo que se bem me lembro o meu estava acima do level 150 e tinham várias armas focadas em DEX ou tiro q não serviam pra mim. Ou seja, existe sim uma build, só que ela é mais versátil de acordo com as suas escolhas. Eu por exemplo podia usar o braço da Amygdala. Era o ideal? Não, pq ela era mais voltada pra força, mas funcionava e como eu achava a arma muito foda cheguei a usá-la algumas vezes.

 

Então a questão não é que Bloodborne capou o sistema de progressão. Ele a meu ver apenas permitiu q vc não precisasse se focar tanto, embora vc possa se focar. Veja que em ranks de melhores armas do jogo existe coisa como o machado q vc pega no início. Ou seja, o camarada pode jogar só ficando em força se quiser.

 

Dark Souls chegou a oferecer um sistema q reseta pontos. Isso pra mim é o maior absurdo q vc pode fazer em RPGs desse tipo.

 

Bloodborne é um dos melhores (se não for o melhor) jogo da minha vida. Platinei com gosto. Se esse jogo tem defeitos, pra mim são irrelevantes.

Editado por £ink

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Faça build de Bloodtinge pro jogo normal e vc vai ver como Reset fez falta.

Larguei no final pq qualquer inimigo normal demorava MUITO tempo pra matar se eu não quisesse perder metade do meu HP usando a forma de 2 mãos daquela catana de Bloodtinge.

 

Além disso, achei paia você demorar a pegar armas legais, já tava no começo do fim quando começou a aparecer o resto das armas e como elas são bem mais diferentes que o usual, não dá pra trocar e jogar do mesmo jeito, precisava de um tempo de adaptação (um claro ponto forte do jogo, a forma de jogar com as armas).

 

Tirar o foco na progressão não seria diminuir a importância de pensar em build? Equilibrar os status com alguns um pouco melhores vai contra a ideia que se tem do que é um build em RPGs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não existe discussão. Bloodborne é um jogo BEM mais simples na criação de personagens!

Ele se aventura em outras coisas. Eu gostei muito da jogabilidade dele e achei com o tempo mais fácil, ripose sou péssimo na série souls mas aqui com a arma ficou bem mais fácil o timing

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu não acho que em Dark Souls você precisa pensar uma build. No 1 por exemplo tem alguns pontos que são totalmente irrelevantes, então as pessoas fazem basicamente as mesmas builds, sendo que vc apenas escolhe entre 5 ou 6 caminhos.

 

Agora essa questão do Bloodborne ter uma falha de design na build q vc montou eu não tenho como comentar pq em nenhuma das minhas zeradas (pra platinar tive q zerar 3 vezes por conta dos finais) eu nunca joguei usando tiro.

 

Mas se o jogo te obriga a resetar é pq ou vc fez merda ou é uma falha de design. Reset pra mim não pode existir em RPG. Acho profano. kkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não acho que seja capado. Eu por exemplo comecei jogando com DEX. Quando peguei a Ludwig fiz uma Quality. Depois resolvi usar a maça com buff elétrico e por fim a Moonlight, já preparando terreno para poder usar magias. Ou seja, meu personagem parece que foi aprendendo novos conceitos.

 

Em Dark Souls as vezes vc segue um caminho especifico e isso te obriga a fazer novos chars para ver outras possibilidades enquanto Bloodborne te amplia os horizontes de um mesmo char sendo que se bem me lembro o meu estava acima do level 150 e tinham várias armas focadas em DEX ou tiro q não serviam pra mim. Ou seja, existe sim uma build, só que ela é mais versátil de acordo com as suas escolhas. Eu por exemplo podia usar o braço da Amygdala. Era o ideal? Não, pq ela era mais voltada pra força, mas funcionava e como eu achava a arma muito foda cheguei a usá-la algumas vezes.

 

Então a questão não é que Bloodborne capou o sistema de progressão. Ele a meu ver apenas permitiu q vc não precisasse se focar tanto, embora vc possa se focar. Veja que em ranks de melhores armas do jogo existe coisa como o machado q vc pega no início. Ou seja, o camarada pode jogar só ficando em força se quiser.

 

Dark Souls chegou a oferecer um sistema q reseta pontos. Isso pra mim é o maior absurdo q vc pode fazer em RPGs desse tipo.

 

Bloodborne é um dos melhores (se não for o melhor) jogo da minha vida. Platinei com gosto. Se esse jogo tem defeitos, pra mim são irrelevantes.

 

Não é só capado, é MUITO capado.

 

Bloodborne ou se faz Quality ou Skill/Bloodtinge. Qualquer ponto investido em Arcane é jogar nível fora já que o jogo não tem opção de reset na build e magia nesse jogo é uma merda e inútil em 95% dos casos.

 

Um char com 30/30 STR/SKILL usando Ludwig da mais dano que um usando a belíssima Moonlight com 30/30/30 STR/SKILL/ARC. Para se ter idéia de qual lixo é magia nesse jogo usar Paper elemental na Ludwig é mesma merda que encantar a arma com Shell que precisa de 15 de Arcane e custa 3 bullets.

 

Mesmo a Build mista de Dex e Bloodtinge vai limitar teu personagem a 2 ou 3 armas físicas efetivas, o que é ridículo comparado com Dark Souls que tem Builds híbridas para todas linhas de status.

 

O próprio diminish return em Bloodborne está em nível de cap bem abaixo de Souls, algo entre 25 e 30 pontos já começa a evoluir bem pouco.

 

Se você procurar uma build na internet nenhuma vai te oferecer algo efeitvo ao utilizar pedras elementais e provavelmente vai pedir para você farmar as que dão dano físico com custo de stamina. Eu joguei Bloodborne no começo do ano e não vi diferença pras versões anteriores, então build elemental continua uma merda.

 

O level 150 em Bloodborne é bastante acima do overlevel. PVP Range é algo entre 50-80. Level 100 já se tem um char overpower, com esse nível então da pra fazer um char completamente híbrido e que usa qualquer coisa no jogo de forma efetiva e próxima do dano máximo.

 

Eu tenho uns 8 personagens em Bloodborne e uns 3 são tentativas fracassadas de fazer algo diferente.

 

O PVP em BB é uma porcaria e falta de opções é o principal deles.

 

Como falei é um jogo com ambientação, lore e gameplay excelentes e bem acima de praticamente qualquer coisa.

Editado por Rhazo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas se o jogo te obriga a resetar é pq ou vc fez merda ou é uma falha de design. Reset pra mim não pode existir em RPG. Acho profano.

Então rolou um pouco dos dois em Bloodborne: merda que eu fiz de focar em bloodtinge pra main playthorugh :lol: ;

falha de design do jogo de ter uma arma com foco nisso mas o resto do jogo aparentemente é suficientemente forte contra a ponto de você dar mais dano com sua Ludwig, mesmo tendo o dobro de bloodtinge pra outra arma (a katana, nem falo de armas de fogo não).

 

Ou eu sou muito ruim pra esse build, pode ser tmb  :okay:

 

Não sou muito elitista com opções de gameplaym, ainda mais em jogos single. Desde que o equilíbrio do jogo não seja afetado por mecânicas mais simples ou facilitadoras, cada um joga e faz o que quer.

Seria como exigir que todo jogo de luta tivesse a complexidade e/ou execução de Virtua Fighter, Guilty Gear, Blazblue ou 3rd strike.

Editado por Lucs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quando começam a falar de Bloodborne parece grego pra mim. Zerei o jogo, fiz o "melhor" final, e não faço a mínima ideia do que seja Bloodtinge. Assim como zerei Demon's Souls sem fazer ideia do que era world tendency ou como isso afetou meu jogo. Sempre vou "cego" para jogar a série, olho nada na internet a não ser que fique preso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

No caso de bloodtinge, é um dos status do seu boneco. Você não só vai cego, mas parece jogar cego tmb  :lolmor:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Um char com 30/30 STR/SKILL usando Ludwig da mais dano que um usando a belíssima Moonlight com 30/30/30 STR/SKILL/ARC. Para se ter idéia de qual lixo é magia nesse jogo usar Paper elemental na Ludwig é mesma merda que encantar a arma com Shell que precisa de 15 de Arcane e custa 3 bullets.

 

Eu nunca tive essa facilidade sua em calcular dano em Bloodborne pq no dano real não é aquele mostrado no status.

E mesmo assim acho que neste jogo o moveset conta muito.

Ainda que a Ludwig fizesse em tese mais dano que a Moonlight os movesets são bem diferentes e pra várias situações acho a Moonlight superior.

Depende também das resistências, tem inimigo que peida pra dano arcano, outros não. 

 

Outra coisa, Bloodborne não é um jogo pra ser zerado uma vez só. Digo uma zerada por personagens. O sistema de builds é pensado pra isso e arcane é usada a partir da segunda zerada. Pra vc ter ideia do quanto vc está errado eu recomendo que vc assista esse vídeo aqui:

 

 

Outro roubado:

 

 

Bloodborne é superior em tudo a qualquer outro jogo da série Souls. Uma obra prima que só podia ter sido feita pelo próprio criador da série.

Pena que alguns não entenderam isso.

 

Ps. Só me retificando. Em tudo menos PVP. Aliás eu não jogo muito PVP nessa série por conta de lag. O 3 até brinquei umas semanas mas enjoei rápido. O 1 eu jogava muito na covernant do gato. Então tudo q estou falando aqui é sobre PVE, que fique claro. 

Editado por £ink

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Até que joguei bastante nas últimas duas semanas.

 

Resolvi reativar minha conta no World of Warcraft e finalmente coloquei um personagem no 110 e agora tô fazendo as quests do Legion para ver se consigo ver tudo antes da nova expansão chegar. Talvez eu aproveite melhor essa expansão dessa vez, vamos ver.

 

Agora, o que eu viciei mesmo foi Overcooked... Joguei 13 horas com a minha esposa e zeramos o jogo. A última fase foi BEM difícil e algumas outras a gente se irritou de verdade um com o outro uhauhauhuahuhaa. Jogo do capeta. Faltam apenas 5 fases para fazer 100% no jogo com 3 estrelas. Estou jogando no Xbox One.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Até que joguei bastante nas últimas duas semanas.

 

Resolvi reativar minha conta no World of Warcraft e finalmente coloquei um personagem no 110 e agora tô fazendo as quests do Legion para ver se consigo ver tudo antes da nova expansão chegar. Talvez eu aproveite melhor essa expansão dessa vez, vamos ver.

 

Agora, o que eu viciei mesmo foi Overcooked... Joguei 13 horas com a minha esposa e zeramos o jogo. A última fase foi BEM difícil e algumas outras a gente se irritou de verdade um com o outro uhauhauhuahuhaa. Jogo do capeta. Faltam apenas 5 fases para fazer 100% no jogo com 3 estrelas. Estou jogando no Xbox One.

Em 2 semanas você não fará tudo de Legion.

 

Eu mesma capotei desse jogo. Tou no nível 50 Champion 45 de ESO

 

 

TfAYy80.jpg

 

 

 

Vp3opaE.jpg

 

 

Terminei Megaman 10 fechando assim o Legacy Collection 2. Agora vou começar Crash Bandicoot.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Zerei o DS2. O último quarto do jogo é sensacional.

 

Já comprei o DS3 mas não vou emendar agora não. Vou dar um tempo pra digerir o lore do DS2, inclusive pesquisar pra entender algumas coisas e descobrir outras que possivelmente eu passei batido.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu sei que não vai dar tempo de fazer tudo, mas vou fazendo as quests e quero fazer Argus. O que der tô fazendo. Depois pego o 120 e sigo em frente.

 

Não jogar com alts ajuda pra caramba hahahaha.

 

E em breve começa o TI de Dota 2, tenho que ver inteiro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..