Ir para conteúdo
Ralf Jones

O que vocês estão jogando, pederastas?

Posts Recomendados

17 horas atrás, psg1 disse:

 

Joguei solo até dizer chega também viu, devo ter feito metade do mapa +- só em jogadas curtas. Imho desligando as ajudas e o jogo fica muito bom.

Unica coisa que eu não gostei é que ele tem um clima meio galhofa não combina com a proposta. Ficaria muito melhor se o jogo se levasse a serio.

 

Jogo fast-food chama isso. Você entrar sem tempo, come rápido e sai satisfeito.

 

Jogabilidade dele é muito boa, tanto as armas que são bem diferentes entre si quanto os veículos.

 

Problema é farmar a reputação contra aquele monte de npc tudo parecido e que não tem uma historia/narrativa que prende (como FC 5), é algo que me afasta do Just Cause tambem.

 

EDIT:

 

FarCry 5 fechado.

 

Gostei do jogo como um todo, faltou até que pouco pra fazer 100%, mas o final e o vilão deixou MUITO a deseja, bem wtf o final, na real. hahaha

 

Fechado @psg1

Editado por grun

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

FFXV torna-se um ótimo jogo caso concentre na quest central e dungeons, especialmente as mais avançadas, é o ponto alto e o combate tem uns picos de qualidade alto durante elas. Particularmente gosto muito daquela que não tem batalhas e foca em jump puzzle. O mundo aberto desinteressante assusta muita gente, povo não ignora e para de jogar, parece aqueles fulanos que dizem ter mais de 100hs em Fallout e desistiram antes de finalizar, sendo que também a quest central é seu destaque. Não que o mundo aberto de Fallout seja raso como o de FFXV...

Pra mim é fácil top 10 da franquia, contando os spin-offs obviamente. O final é divino, pena que os dois últimos capítulos são tão curtos.

 

Terminei Valkyria Chronicles 4 no Switch. Depois do capítulo 4 ele melhora bastante no level design e enredo porém não deixa de ser um Valkyria 1.5, apresenta novas mecânicas porem é um retrocesso em uma série de aspectos quando comparado ao 2 e ao 3, principalmente na variedade, balanceamento e evolução dos jobs. Até os dlc's são piores em relação às versões portáteis.

 

Pra esquecer que existe Kingdom Hearts 3 (só jogarei após os spin-offs que sequer tenho acesso agora, com o PS3 bichado terei que pegar depois alguma outra coletânea no PS4) preciso de um grande jogo e então a bola da vez foi emulador de PS1 no Switch, optei pelo lendário Vagrant Story em detrimento de Koudelka. Fiz o começo, difícil não atender a expectativa.

 

No PS4 continuo com Assassins Creed Odyssey, o ritmo ficou mais lento porque é um jogo com exploração muito repetitiva, seu open world é quase tão chato de explorar quanto o de Zelda BoW har har. Na main quest tá na reta final da história dos cultistas, a do pessoal do futuro acabou.

Quando em ócio no trabalho avanço no Tyrrany no PC. Ambientação deveras interessante, tô gostando mais dele do que Pillars of Eternity.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Terminei Roundabout e The Witcher 3.

 

Roundabout ganhei na ps plus, achei bem carismático e a mecânica de jogo é bem criativa e desafiadora, acho que dava pra terem explorado ela de outras formas mas é um jogo bem divertido e com bom desafio.

 

2659505-0002.jpg

 

The Witcher 3 terminei no steam com 105 horas lol, teve umas 4 vezes que pensei que ia terminar e não terminava lol, jogaço demas, história e personagens muy bons e talvez as melhores sidequests que já vi em um jogo, quase todas surpriendentes em algum ponto, bem escritas, criativas e muitas vezes deveras engraçadas. Quanto mais avançava no jogo mais epico ficava, o mundo é muito convidativo pra exploração, você ve uma torre láaa no fim do mundo e já sabe que vale a pena ir lá, com certeza tem alguma missão bacanuda, cada canto do mundo gigantesco é cheia de detalhes e coisas interessantes acontecendo. O jogo tem um inicio bacana em Velen, em novigrad (uma das cidades que mais gostei de explorar em um jogo) vira um jogaço e em skelige fica epico.

 

Destaque pra mim foram muitos mas em especial perto do fim quando <spoiler>os Witchers reunidos em Kaer Mohen antes da caçada Selvagem atacar, ficando bebados e tal lol, comedia demas Lambert imitando o Visimir. E a parte perto do fim que o Geralt viaja por vários mundos com o Avalach, simplismente animal.</spoiler>

 

Ainda tenho os dois DLCs pra jogar, mas darei um tempo pra jogar outros jogos depois voltarei pra fazer elas.

 

20181211170658_1.jpg

 

20181211170940_1.jpg

 

20181207144334_1.jpg

Editado por Leonhart

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 25/01/2019 em 08:23, Sérgio Meq. disse:

Terminei o Resident Evil 7 hoje de madrugada. 

 

No começo cofesso que não estava gostando, ficar fugindo só com uma faquinha tosca ou sem munição e aquele MALA do Jack enchendo o saco... que merda. Fugir em primeira pessoa não tava divertido. Mas depois foi melhorando muito, conforme fui pegando armas e itens comecei a curtir.

 

Jogando de madrugada e com fone já me rendeu alguns sustos e arrepios, imagino essa joça em RV como deve ser assustador.

 

Gostei de umas partes que tava parecendo Alien também. Ah e lógico tem muito de Silent Hill.

 

Realmente um Resident Evil volta às origens, apesar da câmera diferente (deveria ser OPCIONAL, Capcom). Prefiro assim do que a franquia virar jogo banal de ação.

 

 

Eu preferi em 1 pessoa mesmo, pra dar uma folego novo a serie. Acho que franquias longas como RE nao podem rficar presas a formulas sempre, de vez em quando podem dar uma variada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Testei Steep e Portal Knights que vieram na PS plus.

 

Steep é lindimais, as montanhas, neve, e todo ambiente é absurdamente bem feito, o jogo te da opção de jogar com paraquedas, snowboard, sky, wingsuit e alguns outros, achei bacanudo mas queria que pudesse mudar em tempo real entre eles. De negativo achei que é muito solto e sem objetivos, tem muita informação mas é dificil de entender direito se você ta evoluindo ou não ou o que tem pra fazer, é coisa demaais no mapa. Fiquei com vontade de ver um jogo de aventura nesse estilo, com exploração e tal lol.

 

steep-wallpaper-5.jpg

 

Portal Knights é um Minecraft com visual melhor lol, joguei pouquinho e não chamou tanta atenção.

 

4bs46v0gkmm01.jpg

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Finalizei Assassins Creed Odyssey, 115h de jogatina e primeira vez que joguei a franquia. Mecânicas de exploração similares as de The Witcher 3, apesar do roleplay raso que permite que apenas umas poucas decisões tenham impacto no futuro da protagonista. Muito bonito, ótimo gameplay e boa história. Apesar do imenso mundo aberto e com muito conteúdo, há muita repetição e número excessivo de missões genéricas. De qualquer forma surpreendeu, achei que seria medíocre mas é muito bom.

 

Pra substituir comecei God of War, acho que também será o primeiro da franquia que termino. Parece 1 milhão de vezes melhor do que o primeiro game, o único que joguei e foi o que aguentei de tanto apertar quadrado a esmo.

 

No Switch tenho 27% do mapa em Vagrant Story. Esse jogo realmente é muito impressionante apesar do sistema de stats das armas ser um cocô fedido, ao ponto de cansar de dar 0 de dano no boss Ogre e matar só no counter.

Editado por Ultima Weapon

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou jogando online (revezando) entre PUBG, OW, Paladins e Fortnite.

PUBG em squad o fogo amigo anda enchendo o saco. 

Single no PS4 nada... mas antes de viajar em Dezembro estava no The Last of Us (zerei em 2014). Voltarei a jogar, mas preciso jogar outra coisa além dele (estou pensando em Ratchet and Clank que peguei na plus - ainda comprarei o físico baratinho -).

No PSP estava (estou) jogando Star Ocean 2 (cerca de 3 horas).

 

Hoje comecei Resident Evil (versão PS1 no PSP) e já baixei o remake do Cube para zerar em seguida (vou decidir se gravo um DVD para jogar no Wiizão ou se jogo no emulador no PC).

RE zerei diversas vezes no PS1, 9,5/10 (o dois é o melhor na minha opinião... mas meu favorito é esse), e uma no PSP (emulando). Remake sempre brinco um pouco, mas nunca zerei. Dessa vez vai (depois pego a versão PS4 e zero novamente - se der ainda esse ano -).

 

PS: Resident Evil estou na parte da

 

planta. Daqui a pouco encaro os meus hunterzão.

 😍

Editado por Sté

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com Kingdom Hearts III dei um pause no Red Dead Redemption 2 (esse estou com umas 40hs, passei da metade acho). Até agora gostando mas muito incomodado com a falta de dificuldade mesmo no Hard. Isso que é a primeira vez que jogo a série em mais de quinze anos (só joguei o demo do de 3DS nesse período).

 

O foda é que isso está minando um sistema de batalha que tinha tudo pra ser bom. Não há tensão.

 

Como ainda estou relativamente no começo, menos de dez horas, pode ser que isso mude. Espero que role atualização ou mesmo DLC que coloque alguma dificuldade no jogo.

 

E outra, Square Enix, em pleno 2019 é foda colocar quase três horas de jogo (incluso mais de 1 hora de cutscene) sem opção de salvar. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Kh tirando o 1 sempre foi o hard

 

Mesmo para quem joga no normal como eu fica claro que kh tem esse modo normal para as crianças. 

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

lembro perfeitamente que no 1, para terminar eu passei aperto no normal, nao lembro sequer se tinha hard, mas como sempre jogo no normal, em comparcao com outros jogos era um jogo desafiador sim.

tinha uns extra dificil pacas e mesmo os ultimos chefes nao era coisa facil

 

ja no 2 , nos foruns alertava que realmente o normal era o easy e foi assim com o resto da franquia, tentei jogar o 2, mas o handcap realmente estava diferente e o normal dele era mais facil que o normal de outros jogos, principalmente jogos da sqayre ou japas

 

e desde entao escolho sempre hard.

 

como e um jogo longo, deve dar trabalho esse hard ai sim

uma formula que gosto de usar em rpg e simplesmente ignorar grind, armas mais fortes, so pegando o que tem na historia principal

assim nao evoluo tanto e fica mais desafiador

 

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

8.5 SoD

muito bom mesmo

 

cara vc que gosta de jogos antigos

joga Shadow of Destiny

 

jogaço da Konami, underground, tipo um adventure a la Heavy Rain no comeco da gen do ps2

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou jogando o Wargroove e gostando bastante. É um clone bem feito do Advance Wars, mas a temática é fantasia medieval e  os comandantes participam diretamente nas batalhas.

 

Recomendado para quem está esperando deitado por um novo jogo da série da Nintendo.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nesse final de semana joguei a demo do Anthem, postei impressões mais detalhadas no tópico principal mas posso adiantar que mantive a minha postura de esperar pra ver. A demo estava muito bugada e até saber que pelo menos a maioria desses problemas não existe na build final eu prefiro guardar meu dinheirinho, também achei que o jogo não é muito divertido solo e isso foi outro grande sinal vermelho. Mas fora isso eu curti o gameplay mais do que o do Destiny e o Warframe,  o mundo é muito bonito e bom de explorar graças ao controle de traversal do jogo, entrar no modo free roam e ficar voando pra lá e pra cá é uma delícia, não cheguei a experimentar todos os Javelins mas os dois que eu tinha (colossus e ranger) são diferentes o bastante no combate pra permitir uma variedade de abordagens,.É promissor o jogo, só tem que ver o quão polido vai ser o produto final e se a EA não vai estragar tudo com monetização absurda.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
20 horas atrás, Alucard disse:

cara vc que gosta de jogos antigos

 joga Shadow of Destiny

 

 

Se eu esbarrar com esse jogo barato eu vou ver qual é ;)

 

E sobre jogo velho... Pra mim não tem muito isso de jogo velho. Tem jogo que eu já joguei e jogo que eu não joguei lol. Um dos lados bons de colecionar videogame é isso: você sempre tem um leque imenso de excelentes jogos pra jogar, independente da "era".

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acabei de zerar The Messenger e nunca vi um jogo com tanto gameplay twist na minha vida ahahahahaha.

 

Muito divertido, gameplay delícia e o jogo te joga tanta novidade que ele nunca cansa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, qqt disse:

Acabei de zerar The Messenger e nunca vi um jogo com tanto gameplay twist na minha vida ahahahahaha.

 

Muito divertido, gameplay delícia e o jogo te joga tanta novidade que ele nunca cansa.

 

Jogaço mesmo. Muito engraçado quando

 

revelam o mapa: "vc tava carregando essa porra o tempo todo e nunca pensou em olhar?"



kkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pensei em fazer um review desse jogo mas fiquei com preguiça, mas ainda assim queria recomendar pois foi uma grande surpresa. The Vagrant é um prato cheio para fãs de jogos da Vanillaware, como Odin Sphere. É um RPG/Ação com o mesmo estilo visual, bons personagens e uma história bem legal. A jogabilidade é muito boa, possui um esquema similar ao Sphere Grid de FFX para evolução, e o sistema de batalhas me lembrou Tales 2D (embora nem sempre o jogo feche em "arenas" para lutar). Não há defesa mas sim um botão de esquiva, e quatro skills podem ser mapeadas para uso em batalhas. Além disso possui um bom sistema de customização de armas e armaduras, simples e eficiente. Os chefes são ótimos, só o final que decepcionou um pouco, é claramente um gancho para uma continuação que não se sabe se vai ter; os desenvolvedores estão fazendo outro jogo mas não descartam a possibilidade de um projeto assim no futuro. 12h para fechar, mas não fiz tudo. Para o conteúdo do jogo foi uma boa duração, e o preço normal dele já é baratinho, menos de 10 reais e agora está com promoção de 60% na Steam, vale muito a pena.

 

cUAr8kg.jpg

 

Enquanto isso finalmente engrenei em Dragon Quest XI e adorando. Mas finalmente entendo as reclamações da OST, acho que o maior problema é o tema de batalhas, que além de ser enjoadinho e curto (dá para notar claramente o loop em qualquer batalha que não acabe em dois ou três turnos), é a música que mais se escuta até mesmo em batalha contra chefes. Custava ter mais variedade? Enfim, outra coisa é a dificuldade que estou achando baixa para série, apesar de ter passado por uns bons chefes. Tanto que agora estou evitando mais lutas, quando chego numa área nova luto uma vez com os monstros novos e depois passo reto. Mas ainda sim, jogão. Cheio de cidades grandes em HD, inclusive uma que lembra Veneza com gondolas e tudo, aprende FFXV.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Zerei RE, com a Jill, e vamos para o Cris (sempre bom voltar a mansão). 

Depois emendarei o remake de Gamecube, nunca zerei, e partir pro 2 original (o remake vou esperar baixar o preço). 

 

Estou num ritmo bem bacaninha ultimamente.

 

Dois zerados nesse ano. Ano passado zerei três games. Junção de games online, trabalho/estudos para concursos e vício em esportes (fora que vi anime a beça) atrapalharam pacas.

 

2019...

 

1 - Castlevania: Symphony of the Night (PSX): 9,9/10... 03/01/2018...
2 - Resident Evil (PSX): 9,5/10... 04/02/2018...

 

2018...

 

1 - Dragon Quest 2 (SNES): 7,4/10... 03/05/2018... levei meses jogando a conta gotas. 
2 - The Legend of Zelda: A Link between worlds (3DS): 10/10... 19/12/2018...
3 - The Legend of Zelda: Ocarina of Time 3D (3DS): 12/10... 31/12/2018...

 

4 jogos em menos de 2 meses (embora todos não inéditos). 😆

Estou voando (pelo menos em relação ao meu ritmo dos últimos anos e vamos ver até quando) como na época dos 8, 16 e 32/64 bits.

 

EDIT (08/02/2019): Estão dando Axion Verge na plataforma da Epic Games. Peguei aqui. Estava querendo jogar o piratinha faz algum tempo  (tenho evitado jogar jogos mais recentes na pirataria - deixo mais pros retros - geração PS2 para trás e WII -)  e que bom ter o jogo oficialmente. Depois do Remake, e antes de jogar o RE 2 original de PS1, vou nele. 

Editado por Sté

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jogando o jogo do momento “ápex”, que joguinho divertido! Respawn acertou muito a mão nesse jogo, tem um pouco de cada batle royale e muito de titanfall (o que acho ótimo).

 

joguei umas 4 partidas (venci uma) e amanhã devo voltar a jogar.

 

ah sim, amanhã testo também a beta fechado de the division 2.

Editado por Beck

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vi sobre esse Apex, foram espertos no marketing deles de "contratar" vários grandes streamers pra jogarem no dia do lançamento, pelo visto tem gente bagarai jogando, vamos ver se consegue bater de frente com os grandes do genero.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Foi Vagrant Story, de fato um excelente game. Comecei esse último God of War, gostei e tenho expectativa de ser o primeiro que finalizo mas acho que vou dar uma segurada porque KH3 tá a caminho e será chato parar no meio.

Enquanto isso mato um tempo em Soul Calibur VI, que recém peguei e gostei bastante apesar da leve decepção com os gráficos e por conta da 2B não ter modo história, nem sei se irei comprá-la depois e tava com hype alto pra isso.

No Switch de vez em nunca tô jogando o modo spirits do Smash e penso em começar Koudelka até chegar KH3, a última pérola do PS1 que ficou pendente e parece ser bem curto. Negócio no Switch é pegar outro cartão só pra emulação, qualquer hora corrompo os dados do meu por estar em exFat e não FAT32.

No PC também de vez em nunca sigo no Tyrrany, jogo carismático-mor.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Xenoblade 2

 

Finalizado, deu por volta de 67 horas, fiz um ou outro extra. Pretendo voltar a jogar em algum momento, ir em busca das blades que faltaram e bosses opcionais.

 

De longe um dos melhores rpgs que joguei, o combate no inicio é extremamente dificil de entender e o tutorial fala muito mas deixa mtas lacunas, qdo vc pega o jeito, vê que é bem divertido.

 

A história até que me prendeu, tirando um ou outro personagem meio sem sal achei bem estruturada e não esperava o (bom) plot twist dos ultimos capitulos.

 

As cgs de batalhas são mto bem feitas e empolgam, não sei como esse jogo saiu em um intervalo tao curto em relação ao Xeno do WiiU, tem MUITO conteudo.

 

A navegação não é das melhores, tem mapas que tem vários niveis e dá pra si perder um pouco na navegação.


Agora, vou jogar um pouco Disgaea 5 e The Worlds Ends With You pra ver ql será o próximo. Disgaea coloquei por alguns minutos e como esse jogo tá bonito no Switch!!!

Em 08/02/2019 em 21:34, Beck disse:

Jogando o jogo do momento “ápex”, que joguinho divertido! Respawn acertou muito a mão nesse jogo, tem um pouco de cada batle royale e muito de titanfall (o que acho ótimo). 

 

joguei umas 4 partidas (venci uma) e amanhã devo voltar a jogar.

 

ah sim, amanhã testo também a beta fechado de the division 2.

 

Tá jogando em ql plataforma?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jogando RE4 do Wii, sempre quis jogar, demorou mas deu. Fazia muitos anos q não jogava, muito bom relembrar, penei um pouco no modo profissional. Principalmente umas partes no castelo com ordas de zealots e vc com pouca munição, a Ashley não ajuda tmb...

 

O que curti mais foi o modo q era exclusivo de PS2, muito bem feitinha a história com a Ada, baita extra.

 

Os gráficos estão bem feitos e tem suporte wide, coisa q não lembro no GC.

 

A jagabilidade com o wiimote, grande atração dessa versão, me deixou embaralhado no começo, demorei um tempo considerável pra me adaptar, mas depois que peguei o jeito, fica maravilhoso. Impossível voltar pro modo tradicional depois.

 

jogazzo que envelheceu muito bem.

Editado por Crono

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..