Ir para conteúdo
Strife

Ação, plataformas, Metroidvanias, RPGs e afins em 2D / 2.5D

Posts Recomendados

Daí o fórum me informou que atingiu o limite máximo de imagens por post, então os próximos irei atualizando num próximo post aqui até encher de novo e aviso no título qual a página.

 

Não teria como um moderador fazer com que o segundo post seja seu?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tu não gostou da |Mercedes? Eu gostei bastante, estilo jogar com o Mega Man em Asgard.

 

 

Para mim a pior personagem na jogabilidade é aquela bruxa com as correntes de Andrômeda. Muito lerda e pesada. Deveria ser mais fluída como as correntes do Kratos. :lolmor:

E só vi esse tópico agora. Coincidentemente deixei baixando esta noite (net da OI, nível África subsaariana :lolmor:) o Hollow Knight Void Heart na PSN. Hoje vou dar um confere nele.

 

Jogar com todos os personagens no Odin Sphere Leithrasir é uma delícia.

 

A jogabilidade nas lutas mudou demais. Quem acha que o jogo é um simples remastered em HD não sabe o que está perdendo.

 

É o melhor jogo da Vanillaware atualmente.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jogar com a Mercedes é muito bom, ela é até meio overpower e a campanha dela acabou sendo uma das mais fáceis. Só perde para Oswald monstro que destrói tudo facilmente, até chefes, com seu poder especial. A pior disparada é a Velvet como o Zangetsu disse, foi sofrido jogar com ela no original. Os personagens em si são quase uma seleção de dificuldade, Oswald e Mercedes são easy, Gwendolyn e Cornelius são normal, e Velvet é o hard.

 

E Odin Sphere sempre foi o melhor jogo da Vanillaware.

 

Não teria como um moderador fazer com que o segundo post seja seu?

 

Não sei se é possível, pelo menos lá no RPG desconheço essa opção. Em retrospecto eu deveria ter guardado uns dois posts depois do inicial para isso, mas nem me ocorreu à cabeça na hora. Aguardo manifestação de psg1 ou Ryo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora no início da manhã dei uma testada no Hollow Knight. De cara já vi algumas DEMÊNCIAS:

 

  • Perder a grana/incoming/currency/whatever ao morrer. Parece que é a nova modinha agora para mostrar que o jogo é "estilo Souls". E sim, também sou jogador da série Souls mas sempre achei esse lance uma DEMÊNCIA. Claro mecanismo para aumentar artificialmente a dificuldade do jogo. 
  • Coisas simples do gênero, como a localização no mapa, aqui É UMA PORRA DE UM EQUIPAMENTO. E o pior é que para equipá-los tem que ser no save point, o que torna o simples equipar/desequipar de um acessório UMA TREMENDA BUROCRACIA DEMENTE.  Por que não deixar isso direto pelo menu como em jogos sãos e livres de DEMÊNCIAS?
  • Hitbox do graveto  espada é ridículo. Tem que estar COLADO nos inimigos para acertar. E o hurtbox nosso é bem maior do que o dos inimigos, mesmo o protagonista sendo bem pequeno. Ou seja, nos combates sempre rola um trade nas porradas onde se acaba quase sempre levando dano ao tentar acertar os inimigos, acertando-os ou não.

Espero que o desenrolar do jogo compense essas más impressões iniciais. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Também achei desnecessário a mecânica de DS, mas como morri pouco fora chefes, não sofri por isso. Quando cheguei eu já tava num ponto com milhões do item pra recuperar grana na cidade. Mesmo tendo certa ligação com o enredo, podia passar o jogo sem isso.

 

Não faz sentido a forma que decidiram o mapa ou o equip de acessórios. Se tem um defeito, com certeza é isso. Atrapalha até na hora de testar novos acessórios e combinações.

 

Hitbox é questão de acostumar. Tem alguns acessórios que aumentam o range do ataque normal também. Não tive problema com isso, só com o pushback dos ataques que acabei acostumando também (e tmb tem um acessório pra isso), mas não acho muito interessante em um jogo com bastante plataforming como esse.

Editado por Lucs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não sei se é possível, pelo menos lá no RPG desconheço essa opção. Em retrospecto eu deveria ter guardado uns dois posts depois do inicial para isso, mas nem me ocorreu à cabeça na hora. Aguardo manifestação de psg1 ou Ryo.

É possível sim, só requer um pouco de trabalho:

 

1 - Meu post é o segundo. Copia o post pra esse mesmo tópico e ele deverá ficar repetido embaixo do meu.

2 - Pega um post seu avulso (basta postar qualquer coisa tipo lol) e merge com o meu original.

3 - Coloca você como dono do post.

 

Faço isso no meu fórum quando um líder de guilda é substituído, geralmente por ausência.

Se manjar das ferramentas de moderação, é bem tranquilo fazer.

Teste lá na sua seção pra você ver.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não teria como um moderador fazer com que o segundo post seja seu?

Assim que eu for para o Pc eu dou uma olhada. Mas quando do for assim eu sugiro já mandar o tópico e um post escrito reservado em logo em baixo para facilitar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Zerei Hollow Knight hoje no Switch, fácil um dos melhores metroidvanias que já joguei. 

 

Expliquem o appeal desse Cave Story, baixei aqui mas essa cara de joguete de DOS...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Zerei Hollow Knight hoje no Switch, fácil um dos melhores metroidvanias que já joguei. 

 

Dead cells, para ontem

Editado por psg1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Agora no início da manhã dei uma testada no Hollow Knight. De cara já vi algumas DEMÊNCIAS:

 

  • Perder a grana/incoming/currency/whatever ao morrer. Parece que é a nova modinha agora para mostrar que o jogo é "estilo Souls". E sim, também sou jogador da série Souls mas sempre achei esse lance uma DEMÊNCIA. Claro mecanismo para aumentar artificialmente a dificuldade do jogo. 
  • Coisas simples do gênero, como a localização no mapa, aqui É UMA PORRA DE UM EQUIPAMENTO. E o pior é que para equipá-los tem que ser no save point, o que torna o simples equipar/desequipar de um acessório UMA TREMENDA BUROCRACIA DEMENTE.  Por que não deixar isso direto pelo menu como em jogos sãos e livres de DEMÊNCIAS?
  • Hitbox do graveto  espada é ridículo. Tem que estar COLADO nos inimigos para acertar. E o hurtbox nosso é bem maior do que o dos inimigos, mesmo o protagonista sendo bem pequeno. Ou seja, nos combates sempre rola um trade nas porradas onde se acaba quase sempre levando dano ao tentar acertar os inimigos, acertando-os ou não.

Espero que o desenrolar do jogo compense essas más impressões iniciais. 

 

Não perde, é só ir lá matar a sombra, que morre com 2 ou 3 hits e sempre fica num local fácil de matar. Equipa o Gathering Swarm o mais cedo possível e nunca vai precisar grindar dinheiro.

 

O mapa é uma merda mesmo, um de 2 defeitos do jogo pra mim. É um saco ter que caçar o cara pra comprar. O outro defeito é a pouca quantidade de pontos de fast travel. Poderia ter 2 por área ao invés de 1. Você ganha uma habilidade que mitiga isso perto do final, até lá rola muito backtracking, mas o mundo é tão bem feito e o jogo te recompensa com tanta frequência que dá pra tolerar. Zerei com 26h e 81%, o jogo é enorme e a qualidade só vai aumentando.

 

Não vi problema nenhum com o hitbox, mas a espada é curta sim. Tem um charm que aumenta o reach dela, usei durante toda a jogatina. O jeito como os inimigos reagem aos golpes e a forma como você absorve o dano é meio estranho no início, mas acostuma rapidamente. A jogabilidade é ótima, variedade de inimigos é imensa, trocentos chefes ótimos, sistema de souls é bem pensado, etc. Conforme você vai achando os upgrades o seu arsenal aumenta consideravelmente, principalmente pela mobilidade que você vai adquirindo.

Editado por Rare

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jogar com a Mercedes é muito bom, ela é até meio overpower e a campanha dela acabou sendo uma das mais fáceis. Só perde para Oswald monstro que destrói tudo facilmente, até chefes, com seu poder especial. A pior disparada é a Velvet como o Zangetsu disse, foi sofrido jogar com ela no original. Os personagens em si são quase uma seleção de dificuldade, Oswald e Mercedes são easy, Gwendolyn e Cornelius são normal, e Velvet é o hard.

 

E Odin Sphere sempre foi o melhor jogo da Vanillaware.

 

 

Não sei se é possível, pelo menos lá no RPG desconheço essa opção. Em retrospecto eu deveria ter guardado uns dois posts depois do inicial para isso, mas nem me ocorreu à cabeça na hora. Aguardo manifestação de psg1 ou Ryo.

 

edit: pelo que eu olhei aqui não tem opção de merge nos posts...

 

na duvida faz o seguinte...

atualiza em um unico post tudo que voce quiser incluir e me da um aviso. Pode até mandar por mp, acho que não fode a formatação

 

eu edito o primeiro post (da paladina) e jogo o post dela no de baixo como quote

Editado por psg1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jogo level design random agora é metroidvania... senta lá.

 

então não joga e enfia o switch no cu,  perdão

Editado por psg1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dead Cells tem problema de perfomance no Switch? Caralho.

 

na hora que o couro come e a tela enche de particula ele descola até alguns pc's dos 60 fps

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu lembro dos slow com inimgo explodindo, mas acho q é parte do jogo. Além disso, flui lindamente aqui, a não ser q esteja falando d pc pior q o meu (i5 + 1060 6gb + 16ram

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

edit: pelo que eu olhei aqui não tem opção de merge nos posts...

 

na duvida faz o seguinte...

atualiza em um unico post tudo que voce quiser incluir e me da um aviso. Pode até mandar por mp, acho que não fode a formatação

 

eu edito o primeiro post (da paladina) e jogo o post dela no de baixo como quote

 

Tava pensando aqui, acho que seria melhor eu criar outro tópico, já reservar alguns posts abaixo do primeiro, daí vc merge os dois tópicos. Fica melhor, não? Assim eu não teria que te mandar MP sempre que adicionar novos jogos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rapaz, apesar do tempo de cadastro, eu só leio. Mas resolvi postar pra parabenizar o Strife pelo tópico.

 

Muito jogo que não conhecia, de um estilo que curto tanto. Continuem, papangus!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tava pensando aqui, acho que seria melhor eu criar outro tópico, já reservar alguns posts abaixo do primeiro, daí vc merge os dois tópicos. Fica melhor, não? Assim eu não teria que te mandar MP sempre que adicionar novos jogos.

Mas se der Merge nos tópico os posts desses vão entrar antes do outro, não?

 

Vê aí chapa faz da maneira que você achar melhor

Editado por psg1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas se der Merge nos tópico os posts desses vão entrar antes do outro, não?

Vê aí chapa faz da maneira que você achar melhor

O fórum irá organizar por data. Se mergir os posts vai bagunçar tudo.

 

A menos que tivesse a opção de escolher a data do post e botar tudo no primeiro. Todos os posts do segundo em diante seriam organizados por data.

Meu jeito lá era bem mais simples, mas você disse que não tem opção pra mergir posts (que aliás é básico na maioria dos fóruns). Eu hein...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Os caras emulam bem os gráficos da era 16 bits

 

Agora falta emular a qualidade de composições daquela época. Tipo ninja Gaiden, contra

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Atualizei o primeiro post com algumas das recomendações dos chapas:

 

- Shadow of the Beast (2016)

- The Siege and the Sandfox

- Super Time Force Ultra

- The Swapper

- Toby: The Secret Mine

- Valfaris

- VVVVVV

- Way of the Red (descobri esse hj)

- The Way Remastered

 

Daí o fórum me informou que atingiu o limite máximo de imagens por post, então os próximos irei atualizando num próximo post aqui até encher de novo e aviso no título qual a página.

 

Não dá pra mergir da maneira correta mesmo, e não tem outra solução. Eu aumentei o número de imagens por post, testa aí se funciona, mas de qualquer forma é um palitivo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Seria um tópico perfeito se Strife não tivesse praticamente descartado os melhores jogos de toda essa lista: Ori, Guacamelee (os dois), Hollow Knight, Dust: an Elysian Tail, Rayman (os dois) e a série Shantae. Mas foi bom porque concordei com ele sobre alguns jogos que decepcionaram, como Apotheon, que não aguentei ir até o fim, Owl Boy, que concordo ser um bom jogo, mas esperava bem mais, e Valdis Story: Abyssal City, que fica muito apelativo mesmo no final, sua jogabilidade um pouco lenta não ajuda mesmo, e o personagem só pode ir até o level 20 ou 25, nem me lembro mais, eu evoluí até o máximo na época, mas mesmo assim não consegui terminar.

 

Vou comentar sobre alguns jogos da lista e dar sugestões de outros:

 

Assassin's Creed Chronicles: China - É praticamente um jogo de stealth como Mark of the Ninja. Gostei muito, fiz 100%, mas não tive vontade de comprar os outros dois porque parecem mais do mesmo. Não sou tão fã assim de stealth, mas Mark of the Ninja é o melhor que já vi do estilo, se brincar melhor até que os jogos 3D também.

 

Bleed - Só joguei o primeiro. Legalzinho, terminei, mas não tive a menor vontade de comprar o 2, sequer botei na lista de desejos quando apareceu "em breve" no Steam.

 

Cave Story+ - Joguinho bom, terminei, mas não morri de amores por ele. Acho bem overrated, acho que por ser um dos indies metroidvanias mais antigos, o pessoal gostou muito, mas saíram muitos jogos muito melhores depois.

 

Chasm - Até agora não estou entendendo por que esse jogo tem avaliações neutras no Steam. Achei sensacional, um dos jogos com estilo mais parecido com os Castlevanias de Igarashi que usam armas diferentes, sem ser só chicote. Fiquei internado no jogo até fechar 100%. Só poderia ser um pouco mais difícil, mas ficou bom assim. As músicas também poderiam ser um pouco melhores, mas nada horrível.

 

Deadlight - Gostei muito e terminei 100%. Não sou fã de jogos de zumbis, mas esse ficou lindo 2D e ótimo. Porém, não tive vontade de comprar a Director's Cut porque acho que muda muito pouca coisa.

 

Dust: an Elysian Tail - Comecei a primeira vez e tive a mesma opinião da maioria aqui, meio confuso na arte, então parei. Um tempo depois resolvi começar de novo até entender o jogo, nossa, acabou se tornando um dos meus preferidos, como falei. Fiz 100%, e são muitas quests paralelas pra fazer pros personagens que vamos encontrando no caminho. Achei pouca coisa melhor, por exemplo, que Axiom Verge, que também é um dos meus preferidos.

 

Giana Sisters - Tem o jogo principal e uma expansão. Gostei muito, mas tem um nível de dificuldade um pouco alto em alguns trechos de fases e o último chefe é pra se lascar. Tentei fazer 100%, consegui na maioria das fases, mas não em todas. Belos gráficos (bota Mighty no 9 no chinelo, sendo muito mais antigo, e até gostei do jogo em si, estou na segunda forma do último chefe tentando matar sem saber como fazer pra ele parar de restaurar a vida) e músicas. Tudo é bom no jogo.

 

Guacamelee - Esse eu quase deixo passar pelos mesmos motivos dos chapas, eu achava tudo muito confuso vendo os vídeos, e a arte e tema mexicano não ajudavam. Mas ainda bem que resolvi comprar. Na minha opinião, só Ori and the Blind Forest é um metroidvania melhor que a série Guacamelee. Além de muito bom em todos os aspectos, ainda pode jogar cooperativo. Fazer 100% é uma tarefa árdua, só faz quem amou o jogo mesmo como eu. O 2 é mais difícil ainda de fazer 100%, mas consegui também. Você se sente o melhor jogador do mundo quando pega um item de acesso muito difícil no jogo, hahaha.

 

Hollow Knight - Concordo que tem os defeitos citados até agora, e apesar do mapa imenso, não achei o design do mundo genial não. Guacamelee dá um banho nisso pra mim. Se você quiser apenas terminar o jogo, ele nem é tão difícil, porque a grande maioria dos chefes, especialmente os mais difíceis, são opcionais. Mas se quiser fazer o mapa todo, aí é onde o jogo brilha. É tão bom que dá pra relevar todos os defeitos dele. Você pode aumentar o tamanho da sua arma, pode evitar que o personagem vá pra trás ao bater em um inimigo, são tantas combinações que você tem que testar várias para passar de um chefe difícil ou de uma arena. Jogão, mas fica um pouco abaixo de Ori e Guacamelee, pra mim.

 

Never Alone - Realmente é um joguinho bem atmosférico, com uma boa historinha, mas eu esperava algo mais emotivo, envolvente. Minha única decepção foi essa, mas é um bom jogo.

 

Odallus e Oniken - Gostei de ambos, mas são apenas bons jogos, nada além disso. Gostei mais de Odallus porque o estilo de jogo é mais pro meu gosto mesmo, e fiz 100% nele. Oniken eu achei mais apelativo e não terminei, mas dá pra perceber que treinando dá pra ir avançando no jogo.

 

Ori and the Blind Forest - Meu atual melhor jogo de todos os tempos. Ele é tão bom em todos os aspectos que você nem percebe que não enfrentou sequer um chefe no jogo inteiro. Os controles são precisos sim. Se não fossem, ninguém terminava. O problema é que você tem que ser perfeito nas perseguições/escapadas, tem que decorar pra poder passar. É normal ter mais de 200 mortes na primeira zerada, ele não é fácil mesmo. Nem precisa dizer que já terminei trocentas vezes e fiz 100%, tanto no original quanto no definitive edition, né? Goty 2019 já é o 2, os outros jogos brigam pelo segundo lugar...

 

Série Rayman - Nunca foi das minhas séries favoritas de plataformas, mas esses dois últimos jogos não têm nada a ver com os antigos do personagem, nem os 2D, nem os 3D. Estão com certeza entre os melhores jogos de plataforma já feitos. Terminei 100% ambos, e essa não é uma tarefa fácil. Só jogando pra ver como são bons em tudo!

 

Série Shantae - Você pensa que são jogos bem parecidos, mas cada um tem suas próprias habilidades e poderes que diferenciam muito um jogo do outro. Considero o design das fases muito bom, tudo muito bem pensado pra cada poder e habilidade. Meu preferido é o Pirate's Curse, o mais diferente dos 3 do Steam, mas os outros dois são ótimos também. O Half-Genie Hero é muito bonito, resolução mais alta dos gráficos e músicas mais modernas, digamos assim. São excelentes jogos, basta dar uma chance a eles.

 

Wonder Boy: the Dragon's Trap - Ficou ótimo esse remake. Também não era muito fã dos jogos do Master System, gostava mais dos de Mega Drive, mas jogar com essa qualidade gráfica, sonora, jogabilidade bem melhorada e novos recursos é outra coisa. Ótimo jogo. Porém, o Monster Boy and the Cursed Kingdom provavelmente vai superar este aqui com certa folga.

 

Vou apenas listar alguns ótimos/excelentes jogos que joguei que podem interessar. Talvez alguns já tenham sido citados:

 

Toby: the Secret Mine (melhor clone de Limbo que joguei, e olha que foram muitos)
Omega Strike (Metal Slug metroidvania, só é um pouco fácil, mas excelente jogo, também não entendo as baixas avaliações)
Timespinner (estou jogando e já gostando muito. Devo gostar tanto ou quase tanto quanto Chasm)
Max: the Curse of Brotherhood (a Microsoft sabe apostar em indies que fazem ótimos jogos 2D, esse não é diferente, sem contar que é lindo graficamente)
A.R.E.S (já que citaram alguns clones de Mega Man, aqui vai mais um. Gostei muito)
Adventures of Pip
Batman Arkham Origins: Blackgate (outro que não entendi as baixas avaliações, ótimo jogo metroidvania 2D com Batman)
A Boy and His Blob
Castle of Illusion
CupHead
Ducktales Remastered
Glare (esse não vende mais, infelizmente, a DEV fechou. Ótimo jogo, muito bonito e atmosférico, mas é plataforma puro, com chefes imensos e mecânicas bem diferentes)
A Lenda do Herói (um dos melhores jogos brasileiros que joguei. Ao contrário de alguns, não me incomodei com a música sendo cantada ao longo da aventura, a trilha sonora achei ótima em geral)
Metamorfose S (metroidvania brasileiro surpreendentemente ótimo, mas é bem copiado de Castlevania, por isso é tão bom :P)
Pharaoh Rebirth+ (ótimo metroidvania também. Achei as músicas tão boas quanto Castlevania Portrait of Ruin do Nintendo DS, mesmo estilo de composição até)
Tembo the Badass Elephant (do pessoal de Pokemon. Gostei muito desse jogo, lembra Donkey Kong Country um pouco nas mecânicas. Fiz 100%)
Unepic (Um RPG 2D quase minimalista, mas excelente jogo. História com ótimo senso de humor, metroidvania dos mais competentes, e difícil, mas gostei tanto que fiz 100%)

 

Valeu!

Editado por Sonic X-Treme

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..