Ir para conteúdo
Ryo

Topico sobre empresas indies

Posts Recomendados

Há quem goste e há quem não goste, mas não dá para negar que os jogos indies conseguiram o seu espaço e estão cada vez mais fortes.

São eles que lançam os tipos de jogos que as grandes distribuidoras deixam de lado.

Como estava faltando um tópico falando de empresas e grupos indies resolvi criar este tópico, assim podemos acompanhar o crescimento delas e seus lançamentos.

 

Vou postar sobre algumas empresas indies que estão chamando a atenção:

 

 

Amplitude Studios

 

Lançou o jogo Endless Space e uma expansão do jogo, que é do gênero 4X espacial.

Tem uma interação muito boa com os fãs e lançou um espaço no seu site onde você pode votar o que quer adicionado no jogo ou o que prefere nos próximos jogos.

 

Próximos jogos:

Endless Fantasy - jogo 4X de fantasia

Dungeon of the Endless - Roguelike e Tower defense

 

 

 

Arcen Games

 

Tem os seus altos e baixos, lançou o elogiado Ai War: Fleet Command que mistura RTS e 4X. Se destacam por dar suporte contínuo ao jogo com inúmeros updates gratuitos e expansões. Lançou também o jogo de puzzle Tidalis, o adventure Shattered Haven, A Valley Without Wind 1 e 2 e o Skyward Collapse.

O legal é que eles falam abertamente das vendas e da situação da empresa, resultando em posts interessantes como esse: http://christophermpark.blogspot.com.br/2013/06/ai-war-first-four-years-postmortem-and.html

 

 

Red Barrels Games

 

Eu cito este só pelo Outlast, o jogo de estréia deles, parecem ser bem competentes. 

 

 

 

Klei Entertainment

 

Já lançaram Shank 1 e 2, Mark of the Ninja, Don't Starve e alguns outros jogos e o nível de produção dos jogos impressiona.

Acho que é o mais promissor dos indies.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A julgar pelo trabalho em Outlast, provavelmente com orçamento bem limitado, também pela experiência dos desenvolvedores, acho que a Red Barrels Games tem tudo para vir com coisa muito por aí.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

um bom tópico, pra muita gente indies são só joguinhos pretensamente artísticos e com gráficos retro, mas podem ser um canal pra jogos tradicionais que não são populares como 

 

space combat

 

http://www.youtube.com/watch?v=hzcelfmiRMg

 

mecha

 

http://www.youtube.com/watch?v=udEAEARD-Fo

 

 

não que joguinhos artisticos com gráficos retro sejam ruins, eu curto bastante às vezes, quanto mais variedade melhor.


Há quem goste e há quem não goste, mas não dá para negar que os jogos indies conseguiram o seu espaço e estão cada vez mais fortes.

São eles que lançam os tipos de jogos que as grandes distribuidoras deixam de lado.

 

Sem falar que o cara que lançou um joguinho simples de sucesso pode fazer algo mais ambicioso depois, vide o novo game do criador de Braid, o Witness.

Editado por Cyco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O hawken eu não considero indie não.

Teve uma empresa que investiu acho que 10 milhões no jogo. Então não são independentes. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dos últimos indies que eu joguei, um que eu me viciei feio foi FTL: Faster Than Light

 

ss_052d698926073e8d407a864f0e63a486af24e

 

Típico jogo que eu não daria porra nenhuma, mas é extremamente viciante levar sua nave com recursos limitados por uma jornada, morrer um trilhão de vezes, APRENDER COM ISSO e chegar a um final triunfante. Joguei esta porcaria de jogo por horas afinco e simplesmente não cansei até chegar ao final... E começar tudo denovo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É, o FTL é viciante mesmo.

Morri diversas vezes até cansar e dar um tempo.

 

Sobre os criadores do jogo só achei isso:

 

 

Subset Games was founded by Justin Ma and Matthew Davis, both former 2K China employees.

 
Their first released title was FTL: Faster Than Light which was the product of a successful Kickstarter campaign which raised over 2000% of their requested budget.

A empresa que os 2 criaram nem site tem, só fizeram o site do jogo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Number None (Jonathan Blow)

 

Já citado pelo Cyco. Lançou o Braid e agora está fazendo o The Witness.

 

 

Playdead

 

Fez o Limbo e agora está fazendo um no jogo, que só teve a imagem abaixo revelada:

 

limbo-developer-working-on-project-2-a-g

 

Frictional Games

 

Fez o Penumbra e o Amnesia: The Dark Descent. O novo projeto deles ainda não foi revelado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Dos últimos indies que eu joguei, um que eu me viciei feio foi FTL: Faster Than Light

 

 

Típico jogo que eu não daria porra nenhuma, mas é extremamente viciante levar sua nave com recursos limitados por uma jornada, morrer um trilhão de vezes, APRENDER COM ISSO e chegar a um final triunfante. Joguei esta porcaria de jogo por horas afinco e simplesmente não cansei até chegar ao final... E começar tudo denovo.

 

 

alguem que manja nessa porra...

tanto ele qto o hotline miami pra mim foram dos melhores jogos do ano passado

 

falando nisso

 

Denaton Games - Jonatan Söderström e Dennis Wedin. 

 

 

e o proximo jogo da serie

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Number None (Jonathan Blow)

 

Já citado pelo Cyco. Lançou o Braid e agora está fazendo o The Witness.

 

 

Playdead

 

Fez o Limbo e agora está fazendo um no jogo, que só teve a imagem abaixo revelada:

 

limbo-developer-working-on-project-2-a-g

 

Frictional Games

 

Fez o Penumbra e o Amnesia: The Dark Descent. O novo projeto deles ainda não foi revelado.

Se o Limbo original ganhasse um gráfico assim era GOTY automático.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não vejo graça nesse Hot Line Miami.

Mas vou jogar só para entender a graça dele, deve ter vindo junto em um dos Humble Bundle que comprei.

 

Qual a empresa que fez ele?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não vejo graça nesse Hot Line Miami.

Mas vou jogar só para entender a graça dele, deve ter vindo junto em um dos Humble Bundle que comprei.

 

Qual a empresa que fez ele?

 

arrumei la, eu tambem nao entendia de qual que era tanto hype no hotline qto no FTL... o jogo é simples, mas otimo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

nunca joguei hotline miami mas a trilha sonora é demais

 

O hawken eu não considero indie não.

Teve uma empresa que investiu acho que 10 milhões no jogo. Então não são independentes. 

 

da boca dos próprios developers

 

"Hawken has been developed using the Unreal Development Kit (UDK). "We were familiar with its reputation as possibly the most licensed game engine in the industry. Being able to begin production using a cutting-edge game engine with no start-up cost offers an important opportunity to indie developers like us", said Khang Le"

 

 

 

aqueles f2p Warframe e Blacklight Retribution que saem no PS4 tb parecem AAAs mas são indies

 

http://www.youtube.com/watch?v=X9GwNTfwOaU

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

nunca joguei hotline miami mas a trilha sonora é demais

 

 

da boca dos próprios developers

 

"Hawken has been developed using the Unreal Development Kit (UDK). "We were familiar with its reputation as possibly the most licensed game engine in the industry. Being able to begin production using a cutting-edge game engine with no start-up cost offers an important opportunity to indie developers like us", said Khang Le"

 

 

 

aqueles f2p Warframe e Blacklight Retribution que saem no PS4 tb parecem AAAs mas são indies

 

http://www.youtube.com/watch?v=X9GwNTfwOaU

 

Bizarro os caras se considerarem indies quando tem alguém bancando o projeto deles:

http://venturebeat.com/2012/02/27/meteor-entertainment-raises-10m-to-fund-hawken-online-mech-game-exclusive/

http://venturebeat.com/2012/10/29/hawken-publisher-meteor-entertainment-raises-18m-as-big-launch-draws-near/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Falando em indie, o Kickstarter do Project Phoenix terminou e atingiram o stretch goal que mais me interessava.

 

01590ecfcc4f78d8c38ad473cc9f1f14_large.j

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal aqui deve conhecer o jogo Revenge of the Titans, uma mistura de RTS com tower defense.

Eu pensava que pelo jogo ser conhecido os criadores dele estariam de boa. Mas acabei de ler um post do começo do ano e parece que nenhum jogo deles deram lucro.

Pelo visto os casos de empresas que não conseguem retorno mesmo com um jogo mais conhecidos no currículo é comum.

 

RotT.wallpaper.1.1920x1080.preview.jpg

 

Segue o post:

 

 

GUESS HOW LONG ULTRATRON TOOK TO MAKE?

Posted by Cas in Indie Scene, Ramblings & Rants

 

I was idly warbling away to fans on the Steam Community forums today when I had a little think about some of the facts and figures involved in making games. When I read it back to myself I realised it was actually pretty fascinating reading for people outside of the industry (that is, the players of our games). There were some amusing estimates of how much effort goes into making games from the fans, so here are the facts and figures for you all to see, and hopefully, tweet, reblog, and comment about, until all children are suitably scared in their beds and night and vow never to want to becomes games developers ever again, and some sort of massive JUST SAY NO style meme floods the internets and makes it to the very top of Reddit’s wonderfully insular and self-referential news pages.
 
Ultratron took 24 man months to develop, or if you want to put a financial figure on it, about $120k at ordinary salary rates. Ultratron has so far made a loss of $100k.
 
Titan Attacks took approximately the same amount of time. Titan Attacks has just broken even after 7 years, so that’s cause for a can of lager in celebration.
 
Droid Assault took quite a bit longer – about 36 man months, or $180k ish. Droid Assault has so far made a loss of about $120k.
 
Revenge of the Titans took about 7 man-years to develop, or about $420k. It’s only just broken even. Sandbox mode took 12 man-months and has so far cost us $56k. It is unlikely to ever break even.
 
For most of the last 10 years, I subsidised all the development of the games by working as a menial contractor in the IT industry and effectively putting every spare hour of my life into them. We started seriously in 2002. It wasn’t until 2010 that we actually made enough money to buy anything more than a celebratory curry!
 
So now you know why a) you don’t really want to be an indie game developer if you can help it and B) why we’re not making any more arcade games :)
 
* probably. Unless a genius can think of some way we can make them for about a tenth the cost that’s palateable.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Infográfico com as vendas do Sword & Sworcery.

E o próximo jogo deles parece ser exclusivo do Xbox One.

 

sworcery sales infographic
FRIDAY, JULY 26, 2013 AT 12:42PM
Here's a look at the sales side of the Sword & Sworcery project from Capy's Nathan Vella (also posted at capy's website):
 
On March 24th, 2011 superbrothers: sword & sworcery ep launched on iPad. The first hours after its release were exciting, stressful, celebratory and even terrifying (as game-centric twitter feeds exploded). We watched as the game hit the top 10 paid games chart before we were even featured. Leading up to launch we knew we had made something cool. After launch we knew there was an audience that appreciated it.
 
Over the next 2+ years, we brought the game to PC, Mac & Linux. We collaborated with the amazing folks from 8-4 to create a version specifically for Japan. With the help of apportable, we brought the game to Android. We joined our close friends in the most successful humble indie bundle of all time, and joined a great Android Bundle as well.
 
With over 1.5 million copies sold, it’s pretty obvious that #Sworcery has been a resounding success, and we’d like to share a few details of that success with you. There’s not that many titles out there that began on iOS and made their way to this many other platforms over time, so we hope that this info is helpful in some way/shape/form.
 
Without further ado, lets take a look…

 

SS_infographic_small.jpg?__SQUARESPACE_C

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse Super Time Force parece bem caótico, pelo que vi cada personagem tem um tempo de vida e o que vc faz com um fica gravado e repete enquanto vc joga a mesma parte com o outro personagem.

Tem um pouco do Braid com as sombras e a manipulação de tempo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Zeboyd Games

 

Responsáveis por Breath of Death VII: The Beginning, Cthulhu Saves the World e os episódios 3 e 4 de Penny Arcade Adventures. Acabaram de lançar uma campanha no Kickstarter pro próximo jogo deles: Cosmic Star Heroine.

 

http://www.kickstarter.com/projects/1596638143/cosmic-star-heroine-sci-fi-spy-rpg-for-pc-mac-ps4

 

 

Tenho o Breath of Death e o Cthulhu aqui, peguei os dois juntos por um preço ridiculamente baixo na Summer Sale, mas ainda não joguei nenhum. Todos os jogos deles são bem falados. Alguém já jogou?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

 

 

Leia com atenção, o fato de conseguir um investidor/parceiro não tem nada a ver com isso, se um desses publishers tivesse comprado os caras aí sim eles deixam de ser indies.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..