Ir para conteúdo

Zero Byte

Membro
  • Total de itens

    923
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

139 Reputação neutra

Sobre Zero Byte

  • Rank
    Piadista
  • Data de Nascimento 16-03-1976

Informações do Perfil

  • Sexo
    Male
  • Local
    Belém, Pará

Últimos Visitantes

1.055 visualizações
  1. Zero Byte

    Dahna – Conheça essa grande guerreira do Mega Drive!

    Sim. Nos emuladores tenho uma pá de jogos que um dia já zerei mas que, como me deram muito trabalho na época, não me atrevo a jogar de novo hoje em dia. Tenho também jogos que não consegui zerar na época do console E NEM com os recursos do emulador, como por exemplo, robocop III. Mas deixo eles lá, não deleto, porque algum dia, talvez tenha saco pra jogar de novo. Nos emuladores, costumo jogar coisas mais light, aquelas que eu não preciso ficar salvando e recarregando toda hora. Mas sobre o Dahna, jogue pelo menos a primeira fase só pra saber como é. Pode ser que você se dê melhor do que eu com o jogo. Comentei sobre o agachamento, mas isso pode não ser propriamente um obstáculo dependendo do seu estilo de jogatina. Há jogos como Cyborg Justice em que os comandos são complexos e os personagens são travadões, mas que é, ainda assim, um jogo bom e divertido.
  2. Zero Byte

    Activision Decathlon - O destruidor de joysticks no Atari

    Apesar de o meu top game da cce não ter durado muito tempo na época, uma coisa que não posso reclamar é do controle. Ele era comprido e a alavanca era pequena, com uma borracha macia. Era ideal pra esse tipo de jogo porque não exigia tanta força na munheca. Dava pra segurar o direcional como se segura uma caneta pra escrever
  3. Zero Byte

    Dahna – Conheça essa grande guerreira do Mega Drive!

    Arme-se de paciência. Acredite, o simples ato de levantar de um agachamento é um movimento complexo e demorado nesse jogo.
  4. Zero Byte

    Dahna – Conheça essa grande guerreira do Mega Drive!

    As fases em que ela monta no troll são um desafio de paciência. Foi em uma dessas que eu fiquei puto e parei a partida.
  5. Zero Byte

    Campanha pela volta do Phantom System em 2019.

    Porra, bem lembrado. A cce não fazia nada que prestasse ou que durasse muito tempo. Eu tinha um supergame (clone do atari) da cce, e ele não durou muito tempo. Mas como toda regra tem exceção, eis o Top Game para provar.
  6. Zero Byte

    Activision Decathlon - O destruidor de joysticks no Atari

    Tinham uns joysticks bizarros com alavancas imensas e ventosas na parte de baixo do controle (acho que eram da dynacom). Imagine jogar esse jogo com aquilo!
  7. Zero Byte

    Activision Decathlon - O destruidor de joysticks no Atari

    Esse jogo era ótimo pro atari, só tinha esse problema com o controle. Mas devido às limitações do controle, provas como o salto com vara eram um desafio de paciência. Os 1500 metros então, era de destruir o pulso do sujeito. Talvez a Activision tenha secretamente feito algum trato com a atari na época pra aumentar os lucros deles com venda de acessórios hehe.
  8. Zero Byte

    Darius – Mais de 30 anos depois, Darius chega ao Mega Drive!

    Sempre achei que fosse o mesmo jogo porque, se você ver nas revistas antigas, eles sempre constavam o nome como "Sagaia/Darius", ou na matéria propriamente dita ou na parte de dicas. Comecei até a achar que um nome seria no Japão e o outro nos EUA.
  9. Zero Byte

    Arcades em filmes das décadas de 1980 e 1990.

    Tentei ampliar a figura pra ver se dava pra identificar, mas acho que só assistindo o filme pra saber.
  10. Zero Byte

    Darius – Mais de 30 anos depois, Darius chega ao Mega Drive!

    Achava que Darius já existia pra mega com o nome de Sagaia.
  11. Zero Byte

    Dahna – Conheça essa grande guerreira do Mega Drive!

    Já conheço esse jogo há uns bons anos. Não é ruim, mas não tem nada de espetacular. O problema, como sempre, é a dificuldade. Estou com uma partida parada há cinco anos e desde aquela época estou tentando criar coragem pra continuá-la. Como nunca pesquisei nada a respeito desse jogo, vou ficar bem puto se e quando decidir terminá-lo e ver que o final é ruim.
  12. Zero Byte

    Mystic Warriors - Dos mesmos criadores de Sunset Riders.

    Esse é um daqueles jogos que demora um pouco mais do que devia. Embora não seja ruim, a duração faz com que fique meio enjoativo.
  13. Zero Byte

    Arcades em filmes das décadas de 1980 e 1990.

    Tem dois casos de jogos que (eu acho) nunca existiram mas são os pivôs da história na telinha: Um é o jogo de nave no filme O Último Guerreiro das Estrelas, da década de 80 em que o jogo é usado para selecionar os pilotos que participarão de uma guerra cósmica; o outro é de um episódio da série Além da Imaginação, também da década de 80, em que o moleque era viciado em um arcade chamado "O Bispo da Batalha". Ele era tão viciado que invadiu o arcade de madrugada para jogar até conseguir finalmente terminar o jogo. Quando consegue, o Bispo da Batalha aparece para ele e o suga para dentro do jogo, onde o garoto acaba ocupando seu lugar, e a história acaba aí. Também não podemos esquecer o icônico filme Tron e sua continuação quase três décadas depois.
  14. Zero Byte

    O encanto das antigas videolocadoras de jogos e filmes

    Me lembro muito bem dessa época. Tinham umas locadoras em que dava gosto a gente entrar: letreiros grandes e coloridos na fachada, portas de vidro, paredes branquinhas, piso emborrachado, boa iluminação, ar condicionado e aquele cheiro de purificador de ar... Bem, algumas locadoras não tinham nada disso hehe. Mas foi uma época inesquecível. Infelizmente o advento da internet e o surgimento de emuladores e roms, apesar de tornarem tudo mais fácil e cômodo pros jogadores, acabaram com toda a magia que havia naquela época.
  15. Zero Byte

    Campanha pela volta do Phantom System em 2019.

    ainda tenho o phantom até hoje, embora os controles, a fonte e o cabo da antena já tenham desaparecido há séculos. Uma ótima idéia seria fazer o que fizeram com o Snes: Ressuscitar o phantom com um monte de jogos de nes na memória, sem necessidade de cartuchos.
×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..