Ir para conteúdo

Lockhart

Membro
  • Total de itens

    3.865
  • Registro em

  • Última visita

  • Vezes em que foi o melhor postador do dia

    9

Lockhart: Melhor postador de 10 de Março.

Lockhart teve o maior número de curtidas.

Reputação

984 Boa reputação

Sobre Lockhart

  • Rank
    Chapa mor

Gamer Tags

  • Playstation Network
    Felipe-SGA
  • Steam Profile
    FelipeSGA
  • Nintendo Switch
    1161-6760-7629
  • XBOX
    FelipeSGA

Últimos Visitantes

893 visualizações
  1. Lockhart

    [PS4] Ghost of Tsushima

    Também gostei muito de GoT, mas como você falou, é um AC clássico com skin de samurai. Pode divertir mais algumas pessoas em razão do estilo de jogo e ambientação, normal, mas tecnicamente não chega perto de TLoU2. Mas assim, na real a maioria vociferou uma merda dessas por pura ideologia conservadora (acho que não chegaram a completar a quest da Lady Masako rs).
  2. Me decepcionei bastante com a lista inicial de jogos clássicos do tier Deluxe. E tô inconformado com o fato de eles colocarem jogos remasterizados nesse tier mais alto. São jogos comuns de PS4 e eram pra estar no tier Extra, aliás, vários estão, ou seja, zero critério. Esse tier Deluxe parece mais um "puxadinho" esquisito. O catálogo do tier Extra tá incrível, mas não é pra mim, pois já joguei e terminei a esmagadora maioria desses jogos. Por enquanto vou continuar com o meu humilde tier Essential. Conforme o catálogo dos jogos clássicos aumentar, posso acabar fazendo o upgrade no futuro. Uma ótima notícia: se eventualmente a Sony lançar algum jogo clássico de PSone ou PSP que a pessoa já comprou nos consoles antigos, vai conseguir baixar e jogar nos consoles modernos sem precisar pagar outra vez.
  3. Lockhart

    Eiyuden Chronicle: Hundred Heroes (PS5, SEXBOX, Switch, PC)

    Saiu o Rising, uma espécie de spin-off prequel do RPG principal, que tá previsto pra 2023. Joguei uma horinha ontem e me surpreendi. É super simples, mas tem uma vibe de Action RPG charmoso da geração 32 bits. Se você não for esperando algo muito elaborado, pode acabar se divertindo também.
  4. A Embracer é gigante, chapa, e uma das publishers mais atuantes nessa fase de consolidação coorporativa, bem mais até do que a própria MS (em quantidade de aquisições, não valor gasto). Ela é dona de uma quantidade absurda de estúdios, a grande maioria de médio porte que produzem uma porrada de jogos AA anualmente, mas também outros bem maiores, como a THQ Nordic e Gearbox (Borderlands).
  5. Chuto 2023. Mas desde que foi anunciado muitos insiders diziam que a produção já estava bem adiantada, tinha gente que acreditava que o jogo sairia até em 2021.
  6. Eu acho que rola uma escalada na dificuldade considerável. Foquei 100% em Limgrave, depois fui pra Liurnia e por último Caelid. Aliás em Caelid eu morria em alguns bosses opcionais já quase no nível 100.
  7. É uma questão até bastante comentada no meio, pois esse príncipe é acusado de assassinato (além de ser um líder autoritário de um país que pisa em direitos humanos), então meio que rolava uma preocupação da comunidade fã da SNK (lógico, daqueles que têm consciência social). Agora que ele adquiriu praticamente tudo da empresa, deve rolar um movimento de cancelamento bem maior em comunidades como o fórum Resetera.
  8. Eu acho que o cronograma do DLC do Mario Kart 8 Deluxe enterra qualquer possibilidade de um hardware completamente novo em 2023. Talvez um modelo atualizado, mas que não cause nenhuma espécie de ruptura com o ecossistema atual (Switch Pro ou Switch 2 100% compatível como os jogos atuais).
  9. Lockhart

    O que vocês estão jogando, pederastas?

    Também tô jogando bastante coisa, mas não terminei nenhuma campanha de jogo moderno nas últimas semanas, só alguns jogos retros com direito a rewind, como SEGA AGES Alex Kidd in Miracle World e Altered Beast. Joguei Mario Kart 8 Deluxe antes de meu Kirby chegar. Fiz todos os torneios nos modos 50cc, 100cc e 150 cc e comecei a brincar um pouco no online. Na próxima leva de pistas novas eu volto pra fazer o Mirror e 200cc, além de brincar um pouco mais no online. Tô com umas 70 horas no Elden Ring, mas resolvi diminuir o ritmo nas últimas semanas. Jogando todos os dias eu estava começando a enjoar do jogo. Agora eu tiro um dia da semana que estou mais tranquilo, normalmente o sábado, e mergulho naquele mundão imenso. Parece que a estratégia deu certo, passei um final de semana incrível e muito produtivo no Eldão do povo. Agora meu ritmo vai ser esse, umas 5/6 horas por semana até terminar, sem nenhuma pressa. Como comentei no parágrafo do Mario Kart, meu Kirby and the Forgotten Land chegou e é a minha escolha relaxante depois de um dia cansativo de trabalho. Ligo o Switch, jogo 1 horinha e meia/ 2 horas e aproveito tranquilão a experiência foda que só a Nintendo sabe entregar. Plataforma 3D primoroso. Nas mesmas noites que eu ligo meu Switch pra jogar Kirby, costumo brincar um pouco no emulador de N64 do NSO. O jogo retro da vez é Mario Tennis e ontem eu terminei todas as copas com o Yoshi. Achei bem encardida a final da Star Cup, repeti incontáveis vezes até vencer. Parece que tem um esquema de pedra, papel e tesoura entre os personagens que eu não tinha observado direito. Finalmente, estou jogando aos poucos Guardians of the Galaxy, terminei o capítulo 12 ontem. É um jogo muito linear e totalmente focado na narrativa e história. Não tenho nenhum preconceito com esse tipo de jogo e por enquanto a experiência tá bacana. Mas assim, acho que ele recebeu um status de jogo top injustiçado que não merece. É um jogo legal, com uma trilha sonora foda e diálogos incríveis, mas é só isso. Não chega perto dos melhores do ano passado, nem na tão elogiada narrativa (leva surra de Psychonauts 2). Pra ser justo, acho que ele teve a melhor trilha sonora de 2021.
  10. Minha visão: quem curte jogo retro é entusiasta que fala muito, mas gasta pouco. Você coloca um tier mais alto pra atrair essa galera no impulso (eu me incluo aqui), enquanto o "main" continua sendo o plano Essential, pra quem só quer jogar online, e o Extra, pra quem quer o catálogo Game Pass like.
  11. Sim. Ou deixar um período pré-estabelecido como janela de lançamento full price, fora do serviço, como acontece mais ou menos na Disney+ e HBO Max (no caso, a janela do cinema). A gente vive na geração do hype, tenho certeza absoluta que alguns meses serão suficientes pra gerar muita receita pra empresa antes de colocar o jogo no serviço. E isso mantém viva a cultura de aquisição, que é algo muito importante na minha visão, pra manter a indústria saudável pra todos, sejam grandes publishers ou pequenos indies.
  12. A MS garante isso no Xbox, mas eu acho que a Sony vai seguir pelo caminho da Nintendo e só disponibilizar esses jogos retros pelo aplicativo do emulador, do contrário não faria muito sentido a existência de um tier mais alto com esses jogos. Fico triste, pois eu realmente quero muito jogar PS1, PS2 e PSP no meu console atual, mas não quero pagar quase 400 reais por ano pra ter acesso a esses jogos.
  13. Como você guardou suas moedinhas, já tô contando que esse jogo do segundo semestre da Nintendo é seu. Se for o DK do time do Odyssey, periga ser 90+ Tô achando que pode ser um Fire Emblem novo da série principal. Também é jogo pra 85+- Mas periga de não rolar nada também, além do que já está anunciado (Bayonetta 3, Xenoblade 3 e Pokémon). Como eu já tinha perdido o Xenoblade pro Rare, resolvi apostar no Pokémon.
  14. O que te ferrou foi o colhão do Roberto de ter trancado o Zelda, pois sejamos sinceros, ele não sobrou pra você, o último da lista, à toa, era praticamente certo que seria adiado. Acho que tá bem pau a pau entre Rhazo e Roberto. Rhazo fez um zilhão de pontos com o ER e tem bons CPK, só perdeu três pontos com o FF e seis com o GhostWire. A lista dos demais jogos que vão sair é boa também. Acho que ele só se complica se dois jogos trancados forem adiados, tipo Stalker e Little Devil Inside.
  15. Pior que mesmo com o adiamento do Zelda, Rare tem mais chance de voltar pro jogo que eu. Muito triste isso rsrs Hellblade com certeza não sai este ano e Trek to Yomi não deve tirar um notão monstro. Eu, por outro lado, também já tive um jogo adiado trancado e tenho muito mais chance de levar pau nos meus dois CPK. Aliás, tô aqui esperando as notas do Weird West pra jogar a toalha. Assim, curiosa a notícia de que o jogo chegou a Gold três dias antes do lançamento, mas não vou criar expectativas hehehe
×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..