Ir para conteúdo

Xiubaca

Moderador
  • Total de itens

    14.155
  • Registro em

  • Última visita

  • Vezes em que foi o melhor postador do dia

    51

Tudo que Xiubaca postou

  1. Platinado finalmente. Tive que jogar duas vezes do início ao fim. A segunda vez durou menos de 15h, hehe. Só fui correndo até os chefes e sentava a porrada. Enfim, jogão em todos os frontes. Meu primeiro Souls e com platina, tou orgulhoso demais. Pensei que nunca fosse gostar desse gênero. Nota 9,5 com louvor. GOTY incontestável do ano, já podem entregar os troféus.
  2. O New Game 2 em diante facilita muito. Eu tou no Radagon/Elden Beast pela segunda vez em menos de 10 horas. E boa parte dessas 10 horas foi farmando runa em Mohgwyn. Até lá arregacei geral os chefes sem muita dificuldade.
  3. Killer não, mas bem próximo logo ali passando por milímetros. Dados sobre meu jogo: Primeiro playthrough: 195h Jornada 2 (até Maliketh): 4h, LOL Tou fazendo a Journey 2 pra conseguir os dois finais que me faltam pra platinar. Parei no Maliketh porque não lembro se dá pra acessar o Subterranean Shunning-Grounds depois de Leyndell virar Ashen Capital. Acho que tá na hora de upar o save e continuar sem sincronização. Bom é que nas jornadas subsequentes o rune drop aumenta bastante. Tô no level 228 por aí, e consigo subir de level a cada 4 minutos naquele exploit de Mohgwyn Palace que eu adaptei pra ser um pouco mais rápido.
  4. Dragonlord Placidusax e Malenia derrotados. Enquanto Placidusax acabou sendo um dos meus bosses favoritos do jogo, Malenia é simplesmente uma luta muito desbalanceada e problemática. Difícil apenas por ser difícil, com buffs absurdos e punição completamente desproporcional no golpe waterfowl dance. A segunda fase então nem se fala. O waterfowl dance na primeira fase causa só dano físico e é bloqueável com skill de Barricade Shield no escudo, mas na segunda fase o mesmo golpe inflige scarlet rot. É um inferno, pqp. Minha estratégia foi simplesmente sentar a porrada, esperar que ela não lançasse os ataques mais poderosos e por um milagre desviar quando acontecesse. Enfim, jogo terminado. De repente faço a Journey 2 agora só de zuar, beeem devagar, pra pegar os achievements que deixei pra trás.
  5. Ah, mas esse lance do alinhamento é meio óbvio né. Dá pra ver que as runas são todas partes do Elden Ring. Mas não deixa de ser incrível mesmo. Lore desse jogo é absurdo. Bacana a teoria de que a runa da Ranni tá escondida na lua. Faz muito sentido mesmo. Além do símbolo que dá pra ver olhando pra lua de noite, o desenho do Elden Ring tem uma barra por trás com dois arcos, num símbolo parecido com a cruz de Marika. Certamente vem um DLC maravilhoso mais adiante.
  6. Este vídeo resume em 50 segundos exatamente o que faz esse jogo ser tão foda e traduz exatamente o que eu senti quando vi esse cenário pela primeira vez, nessa tomada macro da região. Absolutamente perfeito.
  7. Essa War-Dead Catacombs é diabólica. Foi uma das poucas que entrei e desisti, os inimigos ali são extremamente OP pro momento do jogo. De repente agora que tou bem avançado vou lá de novo, mas pqp. No level que tu chega ali a primeira vez é impossível fazer. Os soldadinhos fdp com os great bows te matam com uma flechada.
  8. Reaparecendo por aqui, chapas. Dias ocupados ultimamente. Enfim, Cu do Véio zerado. Zerei no meio da semana, com mais ou menos 172 horas e level 150, por aí. Chefes finais foram nerfados legal. Sofri muito mais no Maliketh que qualquer outro. Ainda não derrotei Malenia nem Dragonlord Placidusax, que são os opcionais mais relevantes que faltaram. Acho que largo o jogo oficialmente depois de derrotar ambos. Não tou com saco pra rejogar só pra platinar, nem vale a pena. Fiz o final Age of the Stars, que é o que considero canon, lol. Enfim, jogaço. Não é nota 10 pra mim, mas muito perto. Vou dar 9,5. Pra entrada na série Souls, achei perfeito. Muito poucos problemas graves do início ao fim. GOTY incontestável, Horizon chorando muito mais uma vez, huaaaaa
  9. Qual é o melhor jeito de usar o dual wielding? Testei só de brincadeira, mas não vi muito benefício. Tem que ser mestre do dodging pra usar. Deve fazer um estrago feroz se usado da maneira certa. Bom, chapas, meu status agora é o seguinte: 166h, level 143. Recém derrotei o Maliketh. Aliás, diga-se de passagem, spike de dificuldade ABSURDO em Crumbling Farum Azula. Até ali tava relativamente passeando no jogo. De repente precisei voltar a prestar mais atenção nas batalhas. Agora parei no Godfrey e fui explorar a área da Haligtree, que tinha esquecido totalmente. Esse jogo não te dá nenhuma dica, pqp. As duas partes do medalhão pra acessar a área eu já tinha pego há umas 40 horas e nem me liguei de usar no Lift of Rold, já que o único jeito de utilizar esse medalhão é se ligar no menu na hora de escolher e passar o digital pro lado pra opção "hoist secret medallion", daí sim o elevador te leva pra Consecrated Snowfield. Ailás, que área nojenta do cacete, hein? Pura neblina, a porradaria come solta e tu nem vê daonde. Aqueles orbs que soltam raio em ti é 3 hit kill, e isso que tou num level que acho bem acima da média. O bom é que tem uns minions por lá que são ótimos pra farmar. Enfim, acho que agora é o gás final do jogo. Depois de explorar essa área, derrotar a Malenia - e consequentemente, Mohg no Mohgwyn Palace - acho que vou pro final. Só que, né, já sei que nisso vai mais umas 30 horas, no mínimo. Vou fechar o jogo com mais de 200 horas com toda a certeza. Assim como qqt, é meu GOTY no momento. Perde um pouco o gás no fim, mas isso é somente pelo tamanho enrome gigantesco do jogo inteiro. Esse jogo é pra pegar e jogar durante um ano, não dá pra apressar. Jogão, chapas. Depois vou dar uma respirada no Souls e de repente partir pro Sekirão.
  10. A Latenna dá um dos summons mais úteis do jogo. Ela fica parada tipo um sentry dando flechada, e o alcance dela é ridículo de alto. Muito conveniente pra atrair aggro e descer o sarrafo nos inimigos mais fortes. Foi com ela que consegui matar o Astel. Enfim, 143h de jogo aqui. Tou jogando feito um doente essa cocaína. Cheguei em Crumbling Farum Azula depois de penar pra caralho no Castle Sol. Commander Niall é um dos bosses mais chatos até aqui. Ele summona dois Banished Knights que não parem de te caçar. Tem que ter as manhas pra passar ali, e isso que tou perto do level 130. Felizmente upei a Royal Greatsword e derreti o HP dos summons. Depois que o Niall fica sozinho é mais tranquilo. Hoje vou passar por mais algumas regiões que deixei pra trás e quem sabe ir mais pra dentro de Farum Azula também.
  11. Então, amigos. Fechando 134 horas, level 123. Já peguei todas as runas iniciais e cheguei no Mountaintop. Sobre os demigods: Rykard é batalha meio gimmick sim, mas um gimmick bem feito demais. Comentei com amigos meus, o design do Rykard é pra entrar na história. Tudo nessa batalha é épico, desde o conceito visual até a Serpent Hunter arregaçando geral. Momento lindo. Depois de 134 horas jogando, tou começando a dar uma leeeve cansadinha. Se meu ímpeto com o jogo era 10, agora é tipo um 8,5, lol. Só vou grindar se for muito necessário mesmo. Hoje terminei a quest da Ranni finalmente, e peguei o set do Blaidd. Me tomou horas e horas isso, pqp. Nunca tinha jogando tanto um jogo antes de zerar.
  12. Parece bacana mesmo. Incrível como Hollow Knight fez escola, hein? Muitos e muitos jogos inspirados no mesmo design mecânico e visual.
  13. Esse acesso à torre de Caelid é muitíssimo inspirado na variedade de mecâncias pra acessar as Sheikah Towers de BOTW. Achei foda. Parece que estamos burlando o jogo mas é assim mesmo que entra. Quando chegar no grace do início da torre, o acesso ao topo fica à direita. Tem que se ligar porque tem uma porta no fim da escada que tá trancada, mas na verdade a porta do elevador fica à esquerda. É tão grande que parece uma parede e pode passar despercebido. Se for pra esquerda ao chegar no grace, dá pra acessar o interior da torre e chegar no basement, que é onde tem o boss que mencionei, inclusive derrotei ele ontem. Ele dropa um set de Godskin Apostle e guarda uma espada na câmara seguinte.
  14. A torre de Caelid é perfeitamente acessível desde o início do jogo. O problema é enfrentar o que tem lá dentro, lol. Tem um boss chato pra caramba no térreo da torre. Acho que ele tá guardando o acesso ao topo, ainda não tenho certeza porque não derrotei ele.
  15. A Nepheli achei na vila dos Albináuricos depois do Stormveil Castle, mas ela não fala nada. Acho que aqui deu uma bugada também. Esse jogo é lindo demais, mas que falta um quest log é indiscutível.
  16. Imaginei que tinha relação com a Caria Manor. Já fiz ela inteirinha. Só falta ir pra Nokron mesmo, que liberei ontem. Valeu, chapa!
  17. Chapas, alguém conseguiu subir na Divine Tower de Liurnia? Tem um altar no início que precisa de um item e lá na escadaria suspensa tem um botão embaixo que não sei como ativa.
  18. Matei o Radahn. Rapaz, acho que nerfaram legal ele. Ok, ele tem golpes 1 hit kill ainda, mas tirei dano dele fácil, a luta acho que não durou 2 minutos. Tou com uma Meteoric Ore Blade arregaçante, e alterno com a skill da Bloodhound's Fang. Ambas causam blood loss, daí quando ele pega sai um pedaço bom de energia. Ele mal durou na segunda fase dele, lol. Lembrando que, claro, apelei pra caramba pros summons pra pelo menos tirar aggro de cima de mim. Que jogo, amigos. Fechando 94h já. Agora é Nokron antes de ir pra valer pro Altus Plateau.
  19. É Liurnia, porra. Tou ficando nervoso já, kkk.
  20. Reirom manjou. Sinto falta do meu Goemon lindo. Mystical Ninja é muito underrated.
  21. Curiosamente acho bem mais Smithing Stones nível >6 do que a 6 em si. Tá difícil seguir upando as armas. Achei uma katana FODA. Não é a Moonveil, mas ainda assim faz um estrago foda no scaling e dá dano físico e mágico. Acho que é Meteoric Ore Blade o nome. Virou minha main.
  22. Xiubaca

    ERRO AO RODAR JOGOS AJUDEM

    Enquanto não tiver off-topic, não vejo problema nenhum no tópico ficar aqui.
  23. Xiubaca

    DOIS MIL E VINTE E DOIS

    Por outro lado, Stranger of Paradise é massa demais, feelingzístico , né Lulu.
  24. O Redmane mal explorei ainda, cheguei nele com muitas runas e resolvi abandonar. Quando voltei, já tinha aquele portal na entrada da ponte pra ir direto pra área do Radahn. Depois do Radahn vou dissecar toda aquela área ali. Ou até mesmo antes. Essa é a lindeza do jogo.
  25. Xiubaca

    DOIS MIL E VINTE E DOIS

    Rune Factory 5 deu uima flopadinha, 69. Parece que a versão Switch tá injogável. https://opencritic.com/game/11961/rune-factory-5
×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..