Ir para conteúdo

BDGAME

Membros
  • Total de itens

    3.769
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

150 Excelente

Sobre BDGAME

  • Rank
    Chapa mor

Informações do Perfil

  • Local
    Brasil
  1. Apresentação fraquissima. Mostraram pouca coisa, erraram nos preços, na forma de apresentar, na quantidade de jogos mostrados. Pior, não tem nada nos primeiros meses que vala a pena comprar um switch. Era melhor terem adiado até julho e garantir um lançamento melhor.
  2. Os caras da Neogaf são mesmo muito ninjas. Eles estão fazendo vários testes na X1 da Shield TV e descobriram que essa placa não aguenta rodar 1 GHZ por muito tempo e logo cai para 654 MHZ. A Nintendo provavelmente analisou isso também e ja travou a placa em 768 MHZ para evitar esse mesmo problema (que atrapalharia na performance) Ainda não entendi bem o porque de cortar os GHZ do CPU pela metade, mas pode ser que nem seja o mesmo CPU, ja que é uma placa custom.
  3. BDGAME

    [WIIU/NX] The Legend of Zelda: Breath of the Wild

    Hoje saiu para o público a versão da Unreal Engine de Switch. Ela possui um modo portátil, que diminui a resolução para 66% do modo console (basicamente a diferença de 1080p para 720p), mas por que estou falando dela aqui nesse tópico? Por causa de outros lances que ela faz de um modo para outro, como utilizar anti aliasing mais simples no modo portátil, sombras menos definidas, menor resolução de texturas e... Diminuição da distância de fundo. Isso mesmo, rodando ela no modo portátil, os jogos ficarão com menos visibilidade na distância, o que será pouco perceptível,devido ao tamanho reduzido da imagem. Essa comparações também é valida para o Wii U, visto que o modo portátil do switch ainda é mais poderoso que o Wii U. Basicamente, se esse jogo seguir as mesmas diferenças da UE4, a versão de Switch no console vaí rodar a 1080p, com maior draw distance, melhor anti aliasing e resolução de texturas do que a parte portátil, que ainda sim deve rodar melhor que a versão de Wii U.
  4. Estava pensando como um hardware desses poderia receber Ports da geração atual, do jeito que a Nvidia alegou. Aí que me toquei que é possível sim, se ele imitar o ps4 pro e fizer tudo via upscale. Com essas configurações (pouco mais do que 1/4 de um xbox One) ele conseguiria portar jogos com resolução de 540p e depois fazer o upscale para 1080p. Dessa forma, até aquele rumor do Dark Souls 3 rodando nele seria real. O único impeditivo seria as engines dos jogos, mas como já foi confirmado, ele terá Unreal engine 4 e API Vulkan. Isso faz dele algo possível de rodar jogos atuais. Já jogos próprios ou da geração passada poderão rodar tranquilamente a 1080p nativos, Zelda inclusive.
  5. Cara, essa máquina pode acabar sendo uma grande decepção no final. Vamos as possibilidades: Caso 1: 2 SMs - Docked: 384 GF FP32 / 768 GF FP16 - Portable: 153.6 GF FP32 / 307.2 GF FP16 Isso é, basicamente uma X1 com downgrade. Nessa situação, o switch seria um Wii U+ no modo portátil, mas conseguiria rodar os jogos do mesmo a 1080p no console. Ainda sim, seria um lixo de console. Acho estranho a Nintendo usar um chip com downgrade mesmo no modo console. Caso 2: 3 SMs - Docked: 576 GF FP32 / 1,152 GF FP16 - Portable: 230.4 GF FP32 / 460.8 GF FP16 Aqui seria um cenário melhor, mas mesmo assim, muito inferior a qualquer máquina dá geração passada. Rumores que falavam "potência entre um ps3 e um ps4" se encaixam aqui. Caso 3: 4 SMs - Docked: 768 GF FP32 / 1,536 GF FP16 - Portable: 307.2 GF FP32 / 614.4 GF FP16 Aqui é onde a maioria das apostas de potência se encaixavam. Usando uma mistura de precisões, ele conseguiria rodar jogos dessa geração com certo nível dela downgrade. Se o comentário da Nvidia tiver alguma verdade, onde eles disseram que "É fácil portar jogos dê Xbox one ou ps4 para o switch", esse seria o tipo de potência mínimo que ele deveria ter. No fim, ainda falta informações para chegarmos a uma conclusão, mas no momento, não estou dos mais otimistas com o que vai vir.
  6. Tambem tenho. Não pretendo vender tão cedo. Quanto ao laçamento dos jogos, o correto seria: Lançamento do console (ate agora): - Mario 64 2 - Skyrin - Super Splatoon 3 primeiros meses do aprelho: - Pokemon - Mario Kart Ainda no primeiro ano do aparelho: - Zelda
  7. A Emily Rogers disse que splatoon e Mario kart não são meros ports, já que metade do conteúdo é coisa nova. Mas também não dá para chamar de sequência, já que metade do conteúdo é do atual. Eu aposto que o Mario Kart vai ser sim nomeado de sequência. O Splatoon já deve ganhar um nome como "definitive edition" e Smash vai ser um caso a parte.
  8. Se eu fosse da Nintendo, aproveitava a engine do Mario kart 8, criava novas pistas e chamava de Mario Kart 9.
  9. O problema do Wii U estava na arquitetura e na baixíssima velocidade da RAM. Depois de tanta reclamação, com certeza a Nintendo arrumou esses dois problemas.
  10. Os rumores falaram em 4,6Gb de RAM, sendo 3,8 para jogos e 800 megas para rodar o OS. Conparando com o Ps3 e 360 que tinham 512 no total (provavelmente menos de 400 megas para rodar os jogos) é um puta salto. Comparando com o Wii U, que tinha 1 giga para jogos e 1 para o OS, é também outro grande salto. Pelas configurações que estão surgindo, o NS é 3 a 4x mais poderoso que o Wii U e, pelo menos metade do xbox One, mas com hardware mais moderno. Pode ser que ele aguente jogos atuais. Mas é capaz de ficar mais nos exclusivos mesmo. Chuto uns 200 dólares com essas configurações (mesmo preço do Shield TV quando lançou)
×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..