Ir para conteúdo
Rodrigo

O que vocês estão assistindo, homúnculos?

Posts Recomendados

entre ou cadastre-se

tenha tuuudo em um só lugar :)

entrarcadastrar

nossas lojas

informe seu CEP

americanas e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

continuar e fechar

página inicial

livros

ciências humanas e sociais

história

história mundial

Kierkegaard's Writings, XXIV, Volume 24

faça a 1ª pergunta

R$ 511,91

em até 10x sem juros no cartão de crédito  

R$ 511,91 em até 15x sem juros no cartão Americanas  

mais formas de pagamento

calcular frete e prazo

ok

comprar

comprar com

Este produto é vendido por UmLivro e entregue por Americanas, que garante a sua compra, do pedido à entrega.

informações do produto

Kierkegaard was driven to write The Book on Adler after news spread that a Danish pastor, Adolph P. Adler, claimed to have experienced a revelation in which Christ dictated a new doctrine. Like many others, Kierkegaard was intrigued by Adler--but for different reasons than most. Over the eight years during which Kierkegaard worked on the manuscript, the phenomenon of Adler became a concern secondary to the larger question of authority. Kierkegaard revised the manuscript many times, and published a segment of it as The Difference between a Genius and an Apostle in Two Ethical-Religious Essays, but did not publish the work as a whole before his death. The latest integral version of The Book on Adler is included here, along with excerpts from the earlier drafts and a sampling of writing by Adler himself.

ver mais

ficha técnica

denunciar anúncio

pessoas com o mesmo interesse que o seu, também viram

Fone de Ouvido Samsung Galaxy E7 Original

R$ 99,00

Piercing Argola Indiana Cravejada 6mm

R$ 33,00

produtos patrocinados

os mais vendidos

avaliações

Ajude outras pessoas,faça a primeira avaliação desse produto ;)

avaliar produto

dúvidas sobre o produto

Este produto ainda não tem perguntas.

Faça a primeira :)

escrever pergunta

os mais desejados da categoria

os principais produtos da categoria

sugestão de produtos

helena machado de assis

buriti plus 2

shine on 3

as 48 leis do poder

dicionario lingua portuguesa

vade mecum 2021

diario de anne frank

auto da barca do inferno

microsoft office permanente

buriti plus 3

atendimento 4003-4848

canal de vendas

cartão americanas

ame digital

guia de segurança

Americanas Empresas

Americanas Advertising

entregas e devoluções

mais informações

acessibilidadesaiba mais

americanas s.a. / CNPJ: 00.776.574/0006-60 / Inscrição Estadual: 85.687.08-5 / Endereço Rua Sacadura Cabral, 102 - Rio de Janeiro, RJ - 20081-902 / fale com a gente

mapa do site

Compartilhar este post


Link para o post

Kierkegaard's Writings, XXIV, Volume 24

faça a 1ª pergunta

R$ 511,91

Compartilhar este post


Link para o post

Irmãos Karamazov nunca li e acho que dificilmente vou ler. Li O Duplo, Crime e Castigo, Um Jogador, Memórias de Subsolo, também; e mais o que? Um Jovem Herói.

 

Eu particularmente presto atenção mais em Ibsen do que em Dostoievsky, apesar de saber que Dostoievsky tem mais relevo.

 

Kierkegaard ainda estou perpetrando a obra, já que ultrapassar o entendimento de um autor não é coisa simples. Heidegger estou quase abandonando, mas ainda tenho interesse em Wittgenstein.

 

Guilherme de Ockham era famoso entre os ancaps. Tenho relativo interesse. Também estou deixando Platão e Schopenhauer. No lugar, os gnosticos como curiosidade. 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post

Kierkegaard tem algo a dizer mas não sei avaliar se vale realmente o investimento.

Compartilhar este post


Link para o post

Matrix é só um filme de ação tosco, e isso vale pra todos. É um velozes e furiosos que tem algum interesse até os 15 anos por ae, por ser uma idade em que, no mais das vezes, ainda não se penetrou filosoficamente nos problemas. 

 

O curioso é que o que "chama" a atenção e "torna cult" o filme, a ponto de um semiletrado como psg1 "ter interesse", é o verniz filosófico desse filme de ação. Aquela coisa bem simplória, posta como adereço. Desperta a "curiosidade" do animal, ele acha que "tá pensando". Todas as temáticas do arjumento de um Matrix tão elaboradas como antiquíssimas perguntas filosóficas, guardadas num imenso tesouro de respostas das quais Matrix só exibe o latão. 

 

Matrix excita psaf1. Velozes e Furiosos não. Por que? A única diferença é a pretensão de "pensar" numa pEgAdAfiLoSóFiKa supostamente possibilitada no primeiro. Filosofia assim, tratada como "coisa" que "tem uma pegada", como se um carro na rua já não fosse metafísica bastante a se pensar. Um psaf1 precisa de um anúncio dizendo-lhe que "agora vamos pensar". E Matrix pode "preencher esse vácuo". Ele valoriza Matrix por apresentar uma problema surrada, toscamente amarrada, com péssimas atuações e no geral conservadora, como toda porcaria que ele goza consumindo como um animal deplorável, problemática encontrável no tesouro da filosofia de modo infinitamente mais rico e autêntico. Psaf1 é "curioso", gosta só das "pegada". A coisa em si é fardo muito pesado a se assimilar.

Compartilhar este post


Link para o post

Descascar o cristianismo de um Clemente de Alexandria dá trabalho, do Fílon ainda se tem o pressuposto da dúvida, já que nega a existência do Cristo. E os comentadores de Aristóteles e Platão serviriam como coveiros do meu idealismo.

Compartilhar este post


Link para o post

leu camus Godard? Te aconselho cortella hass 

Compartilhar este post


Link para o post

O mais louco de tudo é que não há nenhuma razão pra ver Matrix. Nenhuma. Exceto a motivação da propaganda que te mandou ver porque é Matrix. 

  • Gostar 1

Compartilhar este post


Link para o post

matrix 1 so efeitos especiais salvam caras na época aquele  slow motion  desviando tiros era sonho de psg1.  Hugo curtia por que matrix era um computador hass filme imundo aliás ate filme antigo 1 super homem e  melhor que qualquer 1 hj.

Compartilhar este post


Link para o post

matrix hass efeitos especiais de hans donner so. Lixao  vi só o 1 . Tela verde lá Hugo usava de papel de parede no PC huahus

Compartilhar este post


Link para o post
9 minutos atrás, Reirom disse:

leu camus Godard? Te aconselho cortella hass 

 

Camus li O Estrangeiro. Muito superior a tudo o que foi feito no século XX. Sinceramente, acho melhor que Heidegger e Wittgenstein juntos.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post

Matrix tem tanto de filosofia quanto 300 de Esparta de história. Serve de analgésico aos surrados estrupícios que aqui postam.

 

  • Gostar 1

Compartilhar este post


Link para o post
10 minutos atrás, Godard disse:

 

Camus li O Estrangeiro. Muito superior a tudo o que foi feito no século XX. Sinceramente, acho melhor que Heidegger e Wittgenstein juntos.

 

 

Por que Camus te atraiu mais Godard? Ah mesma pergunta a cinegros qual livro mais caro comprou godart?

Compartilhar este post


Link para o post

 O mito de sisifo leu Godard?

Compartilhar este post


Link para o post

Objetores de consciência Godard discorra  sobre isso.  Eu tenho sérias dúvidas que vc leu camus.. 

Compartilhar este post


Link para o post

leu porra nenhuma  esse godard e uma fraude  intelectual.  aguardo ate amanha máximo. 

Compartilhar este post


Link para o post
3 minutos atrás, Reirom disse:

Por que Camus te atraiu mais Godard? Ah mesma pergunta a cinegros qual livro mais caro comprou godart?

 

Uma Bíblia.

2 minutos atrás, Reirom disse:

 O mito de sisifo leu Godard?

 

Não li mas conheço.

Agora, Reirom disse:

Objetores de consciência Godard discorra  sobre isso.  Eu tenho sérias dúvidas que vc leu camus.. 

 

O Estrangeiro é uma obra de literatura, mas conheço o argumento dele sobre o suicídio, que acho genial.

Compartilhar este post


Link para o post
Agora, Reirom disse:

leu porra nenhuma  esse godard e uma fraude  intelectual.  aguardo ate amanha máximo. 

 

Ok!

Compartilhar este post


Link para o post

haass o que são objectores de consciência cara ..

Compartilhar este post


Link para o post

VAMOS objectores de consciência quem leu camus sabe o que E cara 

Compartilhar este post


Link para o post

Objetor de consciência é uma pessoa que se recusa a cumprir um determinado dever com base em princípios pessoais. Na oposição de consciência, o objetor solicita a autorização para não cumprir uma obrigação que vai contra suas convicções, que podem ser de vários tipos: éticas, filosóficas, religiosas e políticas. Chega  Godard  . Não dar 

Compartilhar este post


Link para o post
9 minutos atrás, Reirom disse:

Por que Camus te atraiu mais Godard? Ah mesma pergunta a cinegros qual livro mais caro comprou godart?

 

Acho que ele é mais objetivo no que diz respeito aos problemas essenciais. Eu sempre fiquei com uma dúvida se o suicídio de Sócrates foi a coisa mais justa a ser feita, por parte de Sócrates. 

Compartilhar este post


Link para o post

Quer dizer, se matar porque é lei? Estranho.

Compartilhar este post


Link para o post

Objetor de consciência é uma pessoa que se recusa a cumprir um determinado dever com base em princípios pessoais. Na oposição de consciência, o objetor solicita a autorização para não cumprir uma obrigação que vai contra suas convicções, que podem ser de vários tipos: éticas, filosóficas, religiosas e políticas.

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Visualizando este tópico:   0 membros online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..