Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
RPG Forever Ever!!!

Review do jogo Castlevania: The Dracula X Chronicles para PSP

Posts Recomendados

A compilação definitiva de Castlevania

01/11/2007 - por Fernando Mucioli

 

Diz a lenda que, a cada 100 anos, o Conde Drácula despertará se seu sono eterno e sugará o sangue dos vivos, espalhando o terror pelo mundo. Para impedir que isso ocorra, há sempre um membro da família Belmont esperando pacientemente com seu chicote, pronto para invadir a morada amaldiçoada do vampiro e garantir que a paz reine de novo. E agora, da mesma maneira mística e após 15 anos de mistérios e segredos, um clássico está de volta na forma de Castlevania: The Dracula X Chronicles, a melhor coisa que aconteceu à série da Konami em muito tempo.

 

Em 95, a Konami trouxe ao mundo Castlevania: Dracula X, jogo estrelado pelo caçador de vampiros Richter Belmont. Além de belos gráficos e uma grande trilha sonora, o game tinha alguns toques especiais, como a possibilidade de salvar prisioneiros do Conde em partes secretas das fases, e assim garantir um final especial. O que muitos dos fãs não sabiam é que na verdade essa era uma versão “resumida” de outro jogo da série que nunca havia atravessado as fronteiras do Japão e, até agora, só era acessível através de emuladores, ou de um depósito de algumas centenas de dólares na conta de algum vendedor do eBay. Esse jogo era Akumajo Dracula X: Rondo of Blood, de 1993.

 

A história do game era a mesma do Dracula X que o mundo conheceu: Richter parte para o Castelo Demoníaco para derrotar Drácula e salvar sua amada Annete, a pequena Maria, e outras moças raptadas pelo vampiro. O estilo, porém, era outro. Rondo vinha com a tradição de fases seqüenciais dos seus antepassados, mas também tinha outras novidades. Foi o primeiro Castlevania a ter espaços para jogos salvos, animações e diálogos dublados, medidor de progresso, várias passagens secretas e fases alternativas – um meio termo entre os clássicos e a tendência “Metroidvania” que se instaurou a partir de Symphony of the Night. Um verdadeiro clássico. Clássico esse que agora está, literalmente, nas palmas de nossas mãos – como muito poucos acreditavam ser possível um dia.

 

O prato principal dessa sombria coletânea para PSP é, portanto, o esperado remake 3D de Rondo of Blood. Para a felicidade dos saudosistas, pode-se dizer que essa nova versão é quase idêntica à original, com exceção dos gráficos. E felizmente, o trabalho dos asseclas de Koji Igarashi não menos que digno do legado da série: todos os cenários são extremamente vivos e detalhados, assim como os modelos dos heróis Richter e Maria e de todos os vilões. A música, outro ponto forte da série, também não desaponta. A trilha sonora original foi toda remixada e uma opção especial ainda permite que o jogador escolha qual música ele quer que toque em cada estágio.

 

Do ponto de vista da jogabilidade, esse é um Castlevania clássico, o que quer dizer que 1) os personagens são mais duros, os pulos são mais difíceis e é quase impossível manobrar no ar; e 2) você vai morrer bastante. E isso, apesar de deixar felizes quem já caçou monstros na era dos vampiros pixelados, pode assustar bastante quem está acostumado com a rotina de pegar níveis, recolher itens, e ganhar super poderes. Mesmo com o desafio alto, característico dos capítulos antigos, o novo Rondo of Blood ainda é sensivelmente mais fácil que a edição original... mas isso não quer dizer que os veteranos terão facilidade: o que se esconde nas novas paredes do castelo de Drácula é muito mais que um delicioso prato de Carne de Parede – aquela que surge quando você chicoteia os pilares e plataformas da morada do vampiro.

 

Ao encontrar algumas passagens secretas do game, você será presenteado com os outros dois jogos do pacote: a edição original de Rondo of Blood e uma versão remasterizada de Symphony of the Night. E quando digo remasterizada, quero dizer que foi-se embora o antológico diálogo de abertura entre Richter e Drácula no começo do jogo. Nada mais de “Die monster! You don’t belong in this world!” ou “What is a man? A miserable little pile of secrets!” – os diálogos foram reescritos e os dubladores trocados, apesar dessa última mudança não ter sido tão benéfica quanto poderia. E em qualquer um dos três jogos, é possível escolher entre ouvir o áudio em inglês ou em japonês.

 

Em essência, os dois jogos estão idênticos às suas primeiras versões, apesar de rodarem emulados, dentro de uma moldura estática que irrita um pouco nos primeiros minutos. Já o som de ambos parece não ter sido transportado com cem por cento de fidelidade, mas isso, apesar de causar uma leve estranheza, não estraga a experiência. A grande novidade fica por conta da presença de Maria como personagem selecionável em Symphony of the Night, depois que se termina pela primeira vez. Mas não se confunda: essa NÃO é a edição Saturn do jogo: não foram colocados os dois cenários extras, e toda a mecânica e as animações da heroína foram mudadas – ela está menos poderosa e mais bem “articulada”.

 

Só a simples existência dessa coletânea já seria motivo o suficiente para qualquer fã de Castlevania sair correndo atrás dela – mas não é só isso. Refazer um clássico perdido, trazer de volta versões originais, adicionar extras, refazer a arte e a música... tudo isso é um ato de amor, em meio a uma era na qual remakes costumam ser coisas rápidas e baratas, só para encher os bolsos das distribuidoras. Koji Igarashi, “padrinho” da série e defensor incondicional dos jogos 2D, tem amor pelo que faz, e essa coletânea é a prova disso.

 

Assim como todo Belmont deve tomar o chicote em punho e lutar cada vez que Drácula se ergue, todo fã de Castlevania que se preze tem que comprar Dracula X Chronicles.

 

 

fonte: http://www.gametv.com.br/review.show.chain...6257&page=1

 

 

O jogo tirou 9,0 neste site

 

No mais, espero um dia poder jogar essa pequena maravilha!

Compartilhar este post


Link para o post

Nem sabia dessa coletânea. Parece que foi tratada de maneira especial mesmo. Vi no Youtube alguns vídeos, e ficou muito bom mesmo, e embora tenham mudado os diálogos, não ficou exatamente ruim... embora não seja tão épico quanto a versão original de SOTN. Aliás, o diálogo do final de Chi no Rondo/Rondo of Blood não é exatamente o mesmo do início de SOTN (o que é meio estranho), mas ficou um bom trabalho.

 

Trocaram "Die monster" por "Die now", e "Little pile of secrets" por "Cesspit of hatred and lies" (esgoto/fossa de ódio e mentiras). Ficou mais natural, mas não bate o épico prólogo da versão americana de SOTN.

 

Vídeos:

Cena final de Chi no Rondo/Prólogo de SOTN Redublado

GjYkQkCZF_A

O Richter tá sem a bandana...

 

Não achei a versão americana de SOTN, parece que tiraram do Youtube.

Compartilhar este post


Link para o post

To jogando o maverick hunter e locoroco (muuuuuuito bom). Terminando, começo esse, mesmo porque não confirmei se há itens novos no SOTN, minha tara.

Compartilhar este post


Link para o post

Vi alguns vídeos do Rondo of Blood e está bem impressionante.

 

Mas não achei nada do Symphony of the Night no YouTube. As mudanças gráficas foram pequenas ou também foi melhorado? E eu que acabei de adquirir o SOTN na Live Arcade porque senti vontade de jogar de novo... acho que desperdicei alguns MS points :(

Compartilhar este post


Link para o post

A versão original de PSX

IorWvXDQfOI

 

"What is a man? A miserable little pile of secrets."

Compartilhar este post


Link para o post

Eu gostei do novo diálogo, achei bem mais elaborado

Claro que a versão de PSX é um clássico, e sempre que ouço o Die monster! bate uma nostalgia de um dos melhores jogos de todos os tempos, porém olhando objetivamente gostei mais dessa versão do PSP

 

Só a música que achei pior, achei mais abafada e de pior qualidade

Compartilhar este post


Link para o post

Uma pena que tenham mudado os diálogos, mais trabalhado ou não, todas as pessoas que jogaram SOTN pelo menos guardaram as frases marcantes como DIE MONSTER, YOU DON'T BELONG TO THIS WORLD, ou WHAT IS A MAN? A MISERABLE LITTLE PILE OF SECRETS.

 

Mas em, por acaso o SOTN é a versão de Saturn??? Se for, já é compra garantida, já que tem algumas coisas a mais do que na versão de PSX...

Compartilhar este post


Link para o post
Uma pena que tenham mudado os diálogos, mais trabalhado ou não, todas as pessoas que jogaram SOTN pelo menos guardaram as frases marcantes como DIE MONSTER, YOU DON'T BELONG TO THIS WORLD, ou WHAT IS A MAN? A MISERABLE LITTLE PILE OF SECRETS.

Mas em, por acaso o SOTN é a versão de Saturn??? Se for, já é compra garantida, já que tem algumas coisas a mais do que na versão de PSX...

 

Não é não, é a original do PSX mesmo, a Maria que adicionaram foi feita para essa versão, apropriadamente nerfada e com os gráficos melhores.

 

Aqui um pouco do gameplay da maria:

 

kRswweqey3k

 

Ela se parece bem mais com a versão original do Rondo of Blood no estilo de jogar.

Editado por Ditão Jack

Compartilhar este post


Link para o post

Sacanagem, achei que essa nova Maria teria a mesma estrutura do Alucard, equips, ganho de exp etc e tal; hype cai vertiginosamente, e eu tava jogando esse Rondo of Blood que tem uma jogabilidade fedendo à mofo(chicotada só na horizontal HAR HAR HAR) só pra jogar com ela no SotN. :(

 

Pena mesmo, vou tirar esse lixo do MS. ^_^

Editado por Ultima Weapon

Compartilhar este post


Link para o post

Nao gostei dessa conversao do SoTN, na unica resolucao decente pra se jogar (Full), fica com slows pra caramba. Saco total.

Compartilhar este post


Link para o post
Que merda de arma é essa da Mariazinha?

São pombas, como na versão original de Rondo of Blood. Na versão Saturn, ela solta umas bolas de fogo, nada a ver.

 

UW manja nada, Maria ROX. Olhem um pedaço do diálogo Maria x Dracula no final de Rondo of Blood.

 

Dracula: Completely impossible! Beaten by a little girl!

Maria: Ha! Good always wins!

Dracula: Child... it's power that always wins. Good and evil are only words, illusions created by the powerful.

 

Profundo. E Maria era uma pirralha muito chata em Rondo of Blood. Ela tinha um gato na cabeça que ficava abrindo a boca direto, pena que tiraram nesta versão. O Dracula tinha um topete/franja meio emo, parecia o Vanilla Ice. Tiraram também. Não gostam dos clássicos.

 

E agora, se você não salvar Anette e Maria, em vez do final ruim,

você terá que enfrentar Anette no final!

 

Compartilhar este post


Link para o post

hauhauha ,porra ! dialogo rox com Dracula," PODER que vence, nao fala merda " lol

 

 

Essa Maria ta diferente do Saturn, ta com muito mais frames, movimentacao que nunca vi !

 

 

Compartilhar este post


Link para o post

Se não me engano a Maria da versão do Saturn também era arcade

 

Não acho isso exatamente ruim, é bem mais desafiador. Jogar o castelo normal com o Richter era mais difícil que o invertido com o Alucard, exigia muito mais destreza

Compartilhar este post


Link para o post
Não acho isso exatamente ruim, é bem mais desafiador. Jogar o castelo normal com o Richter era mais difícil que o invertido com o Alucard, exigia muito mais destreza

Creio que na verdade seja mais fácil, tirando o fato da energia. O Richter tira uma quantidade de dano fixo nos oponentes (antes do 2º castelo, a maioria morre com um único golpe dele), - e além do mais um único especial mata quase todos os chefes (HOLY STORM! BAR HAR HAR) - e no 2º castelo, seus status dobram.

 

Mas...

 

Derrotar Galamoth com Richter ou Maria sem usar o especial era quase impossível... :pepsi:

Compartilhar este post


Link para o post

esse jogo e crisis core influenciam profundamente minha vontade de comprar um psp no natal

Compartilhar este post


Link para o post

Os comentarios de UW não me desanimaram, deve ser jogão, afinal é remake de clássico. Pena que vou ter que estudar esse FDS pra uma prova fêlha da puta. GAHHH!!!

Compartilhar este post


Link para o post

A produção é ótima, problema que a jogabilidade muito defasada(salvo engano ele só tem UM golpe, chicotada horizontal, e se arrasta pela tela), isso é jogo pra fanático por Castlevania ou pra quem jogava o tal PC-Engine e quer conferir as mudanças.

 

Sim, jogar com o Ritcher no SotN é bem fácil, tem movimentos muito fortes, infinitamente mais poderoso que esse zumbi do Rondo of Blood.

Editado por Ultima Weapon

Compartilhar este post


Link para o post

xinguem me, mas sou fanatico por essa movimentaçao arcaica dos castles antigos.tanto q o boss rush do ahrmony eu so jogava com o simon belmont de 8 bit :P

Compartilhar este post


Link para o post

 

gostei mto da imagem. ta com cara de contra shattered.

 

libera o remake do symphony desse jeito tb po.

Compartilhar este post


Link para o post
Creio que na verdade seja mais fácil, tirando o fato da energia. O Richter tira uma quantidade de dano fixo nos oponentes (antes do 2º castelo, a maioria morre com um único golpe dele), - e além do mais um único especial mata quase todos os chefes (HOLY STORM! BAR HAR HAR) - e no 2º castelo, seus status dobram.

 

Mas...

 

Derrotar Galamoth com Richter ou Maria sem usar o especial era quase impossível... :pepsi:

Eu digo por conta da movimentação

 

Fazer aquele pulo até a câmara do Drácula (a original, não a do subsolo) demandava bem uma hora ou duas, já com o Alucard bastava se transformar em morcego. Isso sem contar que o Alucard, mesmo sendo fisicamente mais fraco, podia pegar upgrades fdps que o deixavam god-like (Crissaegrim 12hits/segundo, Shield Rod + Alucard Shield, etc.)

Compartilhar este post


Link para o post
Fazer aquele pulo até a câmara do Drácula (a original, não a do subsolo) demandava bem uma hora ou duas, já com o Alucard bastava se transformar em morcego.

baixo,cima + X?

Compartilhar este post


Link para o post
baixo,cima + X?

Não bastava

 

Tinha de conectar um uppercut com um blade dash assim que ele atingisse a altura máxima, senão não alcançava. Mais difícil fazer que falar

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

  • Visualizando este tópico:   0 membros online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..