Ir para conteúdo
Marcelo Roffer

[PC/PS4/XONE] Tales of Arise...adiado para 2021

Posts Recomendados

Agora, ShadowKnight disse:

Terminei aqui depois de umas semanas sem conseguir jogar. O último ato foi sem vergonha demais. Não aguentava mais dezenas de Skits com os personagens repetindo as mesmas coisas. Pulei as cenas sem remorso algum. Vou platinar só porque faltam poucos troféus e o combate continua divertido. Vou fazer uma desintoxicação de JRPGs e jogar outros gêneros  até sair FFXVI, afinal essa bobajada toda que tive que presenciar foi pesada demais kkkk.

 

 

Realmente uma baboseira sem limite, por isso cortei tudo tudo tudo logo após Daeqsv  (algo assim, nao lembro exatamente como é o nome do local).

Compartilhar este post


Link para o post

Enfim, platinado. Foi até mais fácil do que pensei chegar ao lv 100. Sem sombra de dúvidas os conteúdos mais difíceis de todo jogo são as quests Otherworldly Visitors e o simulador em que você luta contra todos os Lords de uma vez só. 

 

Mas o jogo me aborreceu até o último segundo: tem umas 3 quests no jogo que não aparecem no log e você tem que dar a sorte de estar passando por lá ou ver um FAQ pra completar as 70 subquests. Detesto recorrer a isso, mas foi preciso.

 

Já desinstalei. 7/10. 

  • Gostar 1

Compartilhar este post


Link para o post

Acabei de terminar Scarlet Nexus, outro jogo da Bandai Namco e vim relatar uma conexão com o Tales.

 

No Scarlet Nexus, cada personagem tem uma lista fixa de 6 skills. Há um tier final de skills que só pode ser adquirido via DLC, Season Pass, ou versão ultimate do jogo.

 

Pelo jeito essa prática vai se tornar padrão nos jogos da Bandai Namco.

Compartilhar este post


Link para o post

esquece isso, vc nao precisa dessa habildade para curtir o jogo

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post

Além de não ter skills, o jogo (Scarlet) gira em torno de episódios de relacionamento com os membros da sua equipe. São cerca de 5 episódios pra cada um dos membros da equipe. Também há episódios de relacionamento adicionais que só são adicionados com DLC/Season Pass.

 

Continua nessa linha de pensamento que daqui a 5 anos você vai estar dizendo: “Ah, mas você nem precisa do final do jogo pra curtir mesmo”.


Salvo engano o Elden Ring é parceria da From software com a Bandai Namco né?

Quero só ver se a Bandai Namco vai interferir na monetização do jogo

 

Vai ser hilário se sim

Compartilhar este post


Link para o post

penso que se o jogo ofere e bastante conteudo , ta mais ou menos proximo de um jogo da era ps2 em features , sem uma skill foda-se

da para perceber se ela e "ESSENCIAL" 

 

eu nunca vi que fosse

 

e que vc e um raro completecionista (seila como escreve)

dai ela fisga gente como vc

 

os jogos com o passar do tempo ficaram desnecessariamente longos

bom era na era snes cm ff6 com 30 horas ou ct com 24 horas

grandia 2 ai com 30 horas maximo

 

dai algum demente achou legal fazer jogo com 60 horas

depois inventam dlcs que complementam as 60

ou as vezes capam umas 10 das 60

 

teria que cortar metade do jogo para ter um tempo legal

 

claro que nao pode parecer um buraco o jogo

 

tem jogo que e paralelo ao que se tinha no passado e depois o cara mete dlc

tirar conteudo como asure da capcom, ou outros jogos fica ruim

 

olha dark souls, sem dlc dava 50 horas a 60 

com a dlc virou 70

 

e os chefes da dlc sao otimos, mas o jogo ja fica cansativo demais

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
46 minutos atrás, Alucard disse:

penso que se o jogo ofere e bastante conteudo , ta mais ou menos proximo de um jogo da era ps2 em features , sem uma skill foda-se

da para perceber se ela e "ESSENCIAL" 

 

eu nunca vi que fosse

 

e que vc e um raro completecionista (seila como escreve)

dai ela fisga gente como vc

 

os jogos com o passar do tempo ficaram desnecessariamente longos

bom era na era snes cm ff6 com 30 horas ou ct com 24 horas

grandia 2 ai com 30 horas maximo

 

dai algum demente achou legal fazer jogo com 60 horas

depois inventam dlcs que complementam as 60

ou as vezes capam umas 10 das 60

 

teria que cortar metade do jogo para ter um tempo legal

 

claro que nao pode parecer um buraco o jogo

 

tem jogo que e paralelo ao que se tinha no passado e depois o cara mete dlc

tirar conteudo como asure da capcom, ou outros jogos fica ruim

 

olha dark souls, sem dlc dava 50 horas a 60 

com a dlc virou 70

 

e os chefes da dlc sao otimos, mas o jogo ja fica cansativo demais

 

 

 

 


Concordo com você com a duração dos jogos. Hoje antes mesmo de começar um jogo como Persona 5 com mais de 150 horas de jogo eu já fico cansado. Considero 60-80 horas ideal pra se desenvolver uma boa história de rpg. Ultimamente ando implicando muito também com quests que não têm relação (nem mínima) com o enredo (acho que pelo menos o mínimo deveria pra não ficar naquela vibe de fetch quest tresloucada).

 

Mas o problema é que o Scarlet é um jogo bem curtinho mesmo. Menor que o Tales. Primeira jogada deu umas 30 horas, a segunda deve dar metade disso, 15-20 max. Ai, nesse sentido, cortar conteúdo adicional acaba pegando mal.

Compartilhar este post


Link para o post

hum mas o scarlet ele requer jogar 2x ne ?

com o cara e depois com a mina 

 

meio que completa a historia isso

 

alias da para separar qual e melhor

 

historia

grafico

musica

personagens

 

eu do pouquinho que joguei gostei do scarlet

 

 

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Visualizando este tópico:   0 membros online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..