Ir para conteúdo
Strife

O que estão jogando de RPG no momento?

Posts Recomendados

Acabei de fechar Ys I (Chronicles)

Skimples, divertido, frenético, old school, trilha sonora animal, que é um ponto altíssimo do jogo.

Alguns chefes bem desafiadores, aquele morcego eu achei que ia ser impossível, mas bastou algumas poucas tentativas, com paciência e cautela, e deu pra pegar a manha e vencer quase sem tomar dano.

Mas o chefe final... Pqp, esse foi uma palhaçada. Acho que tentei umas 20 vezes seguidas. Muito frustrante!

Em breve começo o II.

 

Eita porra, exatamente o que eu ia postar! hahaha

 

O chefe Morcego é foda porque o tempo que temos para atacar é bem curto, e se ficar marcando perto dele depois de atacar a gente perde muita energia.

O chefe final realmente é um grande FDP!!!

 

Tava até desistindo já (e provavelmente nunca mais tocaria em outro jogo da série novamente...), mas li por aí que o Ys II é menos chato nessa parte, e não tem nenhuma apelação do nível desse boss. (espero que seja verdade... hahaha)

 

 

Terminei também o Trails in the Sky Second Chapter, e recomendo fortemente! Obrigatório para quem jogou o primeiro.

Editado por -Bilgaru-

Compartilhar este post


Link para o post

Pro chefe morcego o que funcionou pra mim, ao invés de correr desesperadamente, foi fugir caminhando, com os morcegos colados logo atrás de mim, e fui andando em diagonais pela tela, e não de um lado ao outro do cenário, porque aí dava tempo suficiente dos morcegos se reagruparem e o bichão aparecer (aparentemente se vc só correr pra fugir deles, os morcegos ficam mais tempo espalhados, ocupando a tela e eventualmente te encurralando), e como então eu tava colado nele, ficava mais fácil de acertá-lo (mesmo assim o intervalo de tempo em que ele está vulnerável é minúsculo). Aí era só circular (agora sim correndo) por cima ou por baixo e voltar a caminhar em diagonais. Fazendo isso com paciência e cautela foi bem tranquilo, só tomei um pouco de dano porque me afobei num momento e quis correr quando não devia.

 

Pro chefe final, a tática foi prever pra onde ele ia e ir pra lá antes dele, tentando sempre acertá-lo nas bordas do cenário pra não criar buraco no meio do caminho, e correr na mesma direção que ele, pra dar mais hits seguidos. Mas mesmo assim a frustração não diminuiu muito e ainda foi preciso um pouco de sorte.

 

Tô jogando Ys II e tá bem mais legal. O bump system tá mais refinado nesse (não sei explicar direito, mas as pancadas pela diagonal tão encaixando melhor) e agora tem magia, que faz toda a diferença.

Sem contar os próprios elementos de RPG mesmo, as conversas com NPCs, dar presente pra eles (com eventuais recompensas e informações novas), etc., que aprofundam melhor o universo do jogo. Vale a pena.

Eu já havia jogado a demo do Ys Origins, que tem na Steam, e achei muito divertido. Nem pensei duas vezes e peguei todos os jogos da série numa promoção, porque sei que vou curtir.

Compartilhar este post


Link para o post

Achei que tinha postado aqui.

 

Divinity Original Sin, devidamente terminado. Levei 95 horas no total.

 

Pra variar, o jogo bugou na última batalha, matei o last boss, deveria ter liberado um achievment e junto com isso um vídeo, mas o game começou a fechar sozinho! Tive que voltar um save e aí sim após matar pela segunda vez, foi tudo certinho. =/

 

O jogo é muito bom: Ótimo gameplay, customização ferrada, background interessante em praticamente todas as sidequests, ótimos diálogos.

 

Porem pecou feio em: Quantidade de bug, demora em batalhas 'simples' (tinha que ser possível ativar uma velocidade maior nas batalhas), last boss ridiculo, seria muito melhor ter deixado o penúltimo, luta bem mais interessante.

 

--

 

Quando zerei, daria uma nota 7 por conta dos bugs, mas hj, mais calmo e vendo melhor as qualidades do game... virou um nota 10.

 

Peguei alguns bugs tensos: NPCs não vendendo item obrigatório de sidequest quando cheguei no ponto final dela e NPCs sem dropar item obrigatório de main quest após matá-lo (fui salvo por não ter upado os 2 chars 'extras' como crafters, então pude upar Telekineses e assim não perdi as 70 horas de jogatina que tinha no momento)

Compartilhar este post


Link para o post

Exatamente! Essa foi a versão que saiu pra videogame e joguei. (Xone)

Ah, ta... é a de X1... essa não conheço... mas pensei na de PC (é a que jogo) e estranhei muito, pois não achei nenhum bug (nem pequeno) durante dezenas de horas de jogo.

Compartilhar este post


Link para o post

Ah, ta... é a de X1... essa não conheço... mas pensei na de PC (é a que jogo) e estranhei muito, pois não achei nenhum bug (nem pequeno) durante dezenas de horas de jogo.

 

Então, cheguei a abrir ticket pros caras e tudo mais. Os bugs que peguei foram corrigidos no PC logo na primeira semana, mas so saiu patch pra videogame agora em Fevereiro e quem ja tinha save se ferrou, pois so funcionava em save zerado.

Compartilhar este post


Link para o post

Então, cheguei a abrir ticket pros caras e tudo mais. Os bugs que peguei foram corrigidos no PC logo na primeira semana, mas so saiu patch pra videogame agora em Fevereiro e quem ja tinha save se ferrou, pois so funcionava em save zerado.

 

Que merda...

 

Bom aber, fiquei até preocupado quando comprei.

Compartilhar este post


Link para o post

Então, cheguei a abrir ticket pros caras e tudo mais. Os bugs que peguei foram corrigidos no PC logo na primeira semana, mas so saiu patch pra videogame agora em Fevereiro e quem ja tinha save se ferrou, pois so funcionava em save zerado.

Que merda 2...

 

Não imaginava que uma empresa dessas fosse dar esse relaxo... eles são conhecidos pela proximidade que mantem da comunidade e solicitude em arrumar o jogo.

 

Às vezes aconteceu pq a MS (pelo menos é o que vários devs já disseram) é absurdamente burocrática com patchs... se não me engano eles cobram (muito) pra cara um que as empresas upam e são cheios de meia horinha pra hospedar o mesmo... é algo que deveria ser gratuito e instantâneo. Mas tb vai saber se a Larian simplesmente não deu relaxo. Pena que vc não pode jogar redondinho... esse jogo merece.

Compartilhar este post


Link para o post

Que merda...

 

Bom aber, fiquei até preocupado quando comprei.

 

 

Se pegou pra PC tá tranquilo... se for pra vg também, desde que  tenha começado agora (ou ainda vai começar), o último patch resolveu praticamente todos bugs que foram reportados.

 

 

Que merda 2...

 

Não imaginava que uma empresa dessas fosse dar esse relaxo... eles são conhecidos pela proximidade que mantem da comunidade e solicitude em arrumar o jogo.

 

Às vezes aconteceu pq a MS (pelo menos é o que vários devs já disseram) é absurdamente burocrática com patchs... se não me engano eles cobram (muito) pra cara um que as empresas upam e são cheios de meia horinha pra hospedar o mesmo... é algo que deveria ser gratuito e instantâneo. Mas tb vai saber se a Larian simplesmente não deu relaxo. Pena que vc não pode jogar redondinho... esse jogo merece.

 

É, eu já tinha ouvido falar que é caro lançar os updates. O certificado de leva um BOM tempo, sofri mto disso com o Witcher 3 no day one, tive que esperar 15 dias pra ter um jogo 'jogável', aí acabei desencanando e até hoje não voltei pro jogo.

 

Aprendi a lição, o 2 vou vou jogar no PC :D

Compartilhar este post


Link para o post

Ys II (do Chronicles+) terminado!

 

Melhor que o primeiro e sem um chefe final FDP dessa vez. hahaha

E a trilha sonora... pqp!

 

Acho que foi criado mais um fã da série.

Compartilhar este post


Link para o post

Jogando Final Fantasy XII International Zodiac Job System.

 

Devidamente patcheado, está totalmente jogável em inglês. Algumas coisas que mudam em relação ao original:

- É possível jogar tanto em 4:3 quanto em 16:9, muito bom pra jogar em HD no emulador.

- Apertando L1 o jogo acelera sua velocidade, o que é ótimo pra agilizar backtracking! Alguns mapas são enormes, então essa é uma excelente adição.

- É possível controlar os Espers em batalha.

- É possível alterar os gambits de guests e controlá-los em batalha.

- Li que há alterações em magias, gambits e localização de tesouros, mas faz muitos anos que joguei o original, não saberia dizer o que mudou.

- Trial Mode. Basicamente um modo trial, com 100 estágios, dificuldade aumentando a cada um. Não testei e não me interessa tb.

- O principal: Job System. No lugar de um único License Board para todos os personagens, agora há 12 classes, cada uma com seu próprio Board e só é possível escolher um job para cada personagem, sendo o job permanente.

 

zrkgHk0.jpg

12 Jobs, cujos License Boards representam determinado signo do zodíaco

 

O Job System limita e especializa os personagens em relação a equipamentos que pode usar, melhora de certos status e habilidades que pode aprender. Então em vez de personagens genéricos que fazem de tudo um pouco, temos especialistas, com pontos fracos e fortes que fazem diferença. Isso deixa o combate e a escolha dos membros da equipe mais estratégicos. Além disso, remete aos FFs oldschool e dá um pouco mais de personalidade aos personagens (uma pena que não há nenhuma alteração visual para cada Job, pois melhoraria ainda mais nesse quesito).

 

O enredo, bem, é Final Fantasy, ou seja, nada muito ousado e acho que a maioria aqui deve ter jogado e sabe do que se trata, então não vou comentar muito. Mas gosto que, mesmo em um contexto de fantasia, o jogo é bem centrado e os conflitos e personagens parecem reais, sem muita forçação de barra. Considero o 'universo' de Ivalice um dos mais ricos da franquia. E FFXII faz um bom trabalho em expor esse mundo aos jogadores.

 

m0DfODn.jpg

Dynast King Raithwall

 

Outro ponto que considero forte é a parte artística. Os ambientes são bem feitos e detalhados, mas principalmente os personagens são bonitos, com character design interessante e num jeitão realista mas ainda assim um pouco estilizado, de bastante bom gosto.

As cutscenes são agradáveis de assistir, o que também se dá graças a falas muito bem escritas e a excelente dublagem, que acho um dos destaques do jogo (voice acting do Balthier é sensacional). Só não curto muito o Vaan, na maioria desses aspectos. Acho que ele foi muito mais uma necessidade comercial do que uma vontade dos criadores do jogo. O enredo podia funcionar muito bem se a real protagonista fosse a Ashe, como deveria ser.

 

sqZkTtI.jpg

Fran lindona

 

Uma coisa que eu não lembrava de quando joguei o original é que o eixo horizontal da câmera está invertido no analógico (mexe o stick pra direita e a câmera vira pra esquerda), e o jogo não te dá opção pra mudar isso. É muito irritante! Ainda bem que jogando no emulador pude trocar a configuração do próprio controle. No eixo vertical deixei invertido, pois prefiro assim. Não sei por que, mas na minha cabeça é totalmente lógico usar eixo horizontal normal e eixo vertical invertido. Só consigo jogar assim, qualquer jogo.

 

Bom, por fim, acho que FFXII IZJS traz algumas melhorias que o original estava precisando e dinamiza a jogabilidade com o sistema de Jobs. É ótimo poder rejogar um de meus FFs preferidos dessa forma.

Compartilhar este post


Link para o post
The Legend of Heroes: Trails of Cold Steel

 

Ainda não posso falar muito do game, não tive muito tempo então só pude jogar 30 minutos, mas do que vi, já ví que vou me internar nesse jogo (Persona feelings). 

 

Gráfico soberbo no vita, pelo pouco que vi, n possibilidades de combinações nas lutas, provavelmente vai ser um dos jogos

com combate mais rox que já joguei, e isso tudo, só vendo 30 minutos de jogo. 

 

Vou jogar com toda calma do mundo e aproveitar cada detalhe.

 

Esser ano pra min vai ser lindo nos portateis, backlog enorme e ótimos games até o fim do ano.

Compartilhar este post


Link para o post

Ultimo chefe do Ys 1 é uma das coisas mais retardadas que já vi.

O do 2 é bem tenso tbm, mas fica longe da palhaçada do primeiro.

Compartilhar este post


Link para o post

Joguei a demo de The Witch and the Hundred Knight. A "nova" versão de PS4.

 

Contra todas as minhas expectativas (é jogo da NIS, que faz Disgracea, urgh) me pareceu muito legal. Uma mistura de Bastion com ARPGs da Falcom, em especial Oath in Felghana e Ark of Napishtim. E com a única qualidade boa dos jogos da NIS: senso de humor.

 

Devo pegar quando sair (talvez, NIS né).

 

Letarn jogando uma obra-prima, se a Square Enix não anunciar uma versão HD de FFXII que nem fez com FFX, devo re-jogar no emulador essa versão International no futuro. Jogaço demais

Compartilhar este post


Link para o post

Consegui rodar Lunar: Silver Star Story no emulador de Sega CD no Wii com som. Deus sabe-se lá porque não rodou com música na primeira vez, só botei de novo no SD e foi. Estranho que o Eternal Blue rodou com som de primeira. 

Então já decidi que vou retomar o Eternal Blue do zero, mas agora jogando num console, com controle, no sofá e em uma TV grande. Desculpas sobram. 

Aliás, o Silver rodou sem engasgos até onde joguei, uma pena o Eternal Blue ter engasgos. =(.png Mas o Wii é realmente uma ótima central de emuladores, tipo PSP ou XBox.

 

Umas fotos que tirei, são do Eternal Blue:

Da cutscene inicial, tem uma vibe Xenogears imensa na cena, que felizmente (ou infelizmente pra alguns... Vai saber) não permanece no restante do jogo.

HgurIBQ.jpg

KvcXRll.jpg

REMXO64.jpg

buF4fiz.jpg

Lar doce lar:

qTdYbgX.jpg

Mapa:

DnAsbay.jpg

Batalha:

kq9qm22.jpg

Compartilhar este post


Link para o post

É uma soma de fatores. O principal é o combo TV+Controle+Conforto de sentar no sofá/colchão VS PC. Eu até conseguiria jogar gravando a ISO das versões de PS1 em um CD e jogar no meu PS2 com os Memory Cards de PS1... Se os Memory Cards funcionassem, porque todos estão com defeito. Ai o jeito seria jogar no emulador no PC, coisa que não estou muito disposto.

 

Outro fator é que quero jogar as versões originais primeiro. E sim, rola um pouco de nostalgia. 

 

Sei que não tem muito haver, pois tenho a impressão que as versões de PS1 são as melhores mesmo, mas o Remake do Silver Star Story pra PSP me deixou com um gosto meio amargo. Espero que isso não se repita nos do PS1.

 

Mas no futuro jogo as versões do PS1 sim, não sei se existe um MC de PS1 hiper foda por um preço bom. Os meus são originais e quebraram um após o outro. 

Compartilhar este post


Link para o post

Jogando Suikoden pela primeira vez. O objetivo mesmo é jogar o Suikoden 2, mas como li que ele é melhor aproveitado jogando o primeiro, resolvi investir.

 

E olha, ele não é um jogo ruim não, o sistema de recrutar personagens é viciante, e o enredo é bem interessante.

 

Minhas queixas são o sistema de batalha, que até agora me parece super básico e não instiga a explorar (e poxa, com 108 personagens jogáveis o jogo deveria ter um sistema de batalha digno de ser explorado), e a história que parece bem rushada, eventos muito importantes acontecem de repente sem nenhum build up, e os personagens mudam de opinião tão rápido que é difícil se sensibilizar por eles ("três segundo atrás eu não queria me juntar a você, mas agora que ta fazendo mais calor, já me parece uma boa ideia"). Além disso, os menus são muito truncados, é um parto pra atualizar os equips dos personagens, acessar itens armazenados, etc, um jogo dessa época não poderia mais ser assim.

 

Apesar disso, to curtindo, e imagino que tudo tenha sido consertado no 2, já que ele é um clássico absoluto. To hypando.

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Visualizando este tópico:   0 membros online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×

Informação Importante

Ao utilizar este site, você está automaticamente concordando com os nossos Termos de Uso e regras..